PARCERIA MEUSLINKS

Siga Também no Google+

Gostou do blog? Então Participe!

Top 5 Postagens Mais Populares da Última Semana

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Curdos consideram banir a mutilação genital feminina

"A Human Rights Watch (HRW) divulgou um relatório no ano passado que revelou que existem pelo menos quatro fatores que impulsionam a mutilação genital feminina: Uma ligação com a identidade Curda, um imperativo religioso, a pressão social e uma tentativa de controlar a sexualidade das mulheres".

Sobre o imperativo religioso para a mutilação genital feminina, particularmente para os países Islâmicos fora da África, como o Iêmen, áreas Curdas e na Indonésia, há uma correlação notável com a prevalência da escola Shafi'i de jurisprudência Islâmica.
Na tradição islâmica legal, a circuncisão feminina é obrigatória. Assim, para os apologistas e os reformadores, é muito mais difícil pôr essa prática de lado como meramente "cultural", ou "tribal", e, para os reformadores sinceros, será muito mais difícil de se abolir. "Projeto de lei para se banir a mutilação no parlamento", da AKNews, 19 de junho: Erbil, 19 de junho (AKnews)
 - O parlamento do Curdistão vai discutir um projeto de lei sobre violência doméstica amanhã, que propõe a criminalização da circuncisão feminina. A tendência é mais difundida no Curdistão do que nos países vizinhos, apesar das campanhas de sensibilização realizadas por organizações da sociedade civil e da mídia. É praticado principalmente nas áreas rurais.

Um estudo alemão-iraquiano realizado em 2007/08 mostrou que mais de 77% dos entrevistados do sexo feminino com 14 anos e mais na província Curda de Sulaimaniya haviam sido submetidos ao procedimento. A prática é muitas vezes realizada em casa e por pessoas sem formação médica.
Quando não for feito corretamente nas meninas, que muitas vezes são tão jovens quanto dez anos, pode causar danos permanentes e em casos extremos morrer devido à perda de sangue ou infecção.


 
Nunca foi, não é agora e nunca será feito "corretamente". A foto profundamente perturbadora que acompanha essa história no link acima deve tornar isso bem claro.
 
A Human Rights Watch (HRW) divulgou um relatório no ano passado que revelou que existem pelo menos quatro fatores que impulsionam a mutilação genital feminina: Uma ligação com a identidade Curda, um imperativo religioso, a pressão social e uma tentativa de controlar a sexualidade das mulheres.
"É hora de o governo regional avançar e tomar medidas concretas para eliminar essa prática nociva, porque simplesmente não vai embora por conta própria", disse Nadya Khalife, pesquisadora da Human Rights Watch no Oriente Médio dos direitos das mulheres.

Estima-se que mais de 130 milhões de mulheres no mundo sofreram mutilação genital feminina (MGF), principalmente na África sub-saariana, oeste e sul da Ásia e partes do Oriente Médio.
Não está claro como uma lei, buscando impedir uma prática que não é realizada nos meios oficiais, seria aplicada.
O ministro da saúde do Curdistão, Taher Hawrami, disse que as autoridades estão distribuindo cartazes para promover a conscientização, mas ele disse que os líderes religiosos devem fazer mais para acabar com a prática. "Os clérigos devem assumir o papel principal. As pessoas precisam ter uma melhor compreensão da religião a fim de abandonar esse fenômeno".
O projeto também visa a reduzir a agressão de pais aos filhos e os casamentos forçados.

Com Informações de: Respondendo ao islã

2 comentários:

simone oliveira disse...

muita crueldade, não consigo acreditar que isso existe,Acho que Deus tinha que fazer nascer apenas homens nesses lugares,assim eles se casavam entre si, pq tratar uma mulher dessa forma, sério não dar pra acreditar.. agradeço a Deus por ter nascido brasileira, e a partir de hoje nunca mais falo mal do meu País abençoado.

simone oliveira disse...

não da para acreditar que isso existe, e muita crueldade,Deus tinha que fazer nascer apenas homens nesse países e assim não existir mais mulheres. já que eles não gostam. sério e muito..., não tenho nem palavras. só tenho que agradecer a Deus por ter nascido brasileira, e nunca mais irei falar mal do meu país nem dos homens brasileiros pq são maravilhosos perante a esses monstros que não considero seres humanos.

Lista das 10 postagens mais populares desde à criação do Blog

Pegue uma Bíblia e descubra Como ir para o Céu

O plano de Deus para a sua salvação

Primeiro você precisa saber:

1) Boas obras não salvam (Efésios 2:8,9 / João 14:6 / Tito 3:4-7)

2) Todos pecaram inclusive você (Rom 3:23)

3) E por isso todos estão indo para a morte eterna (o Inferno) (Rom 6:23)

4) Mas Deus nos amou tanto que enviou Jesus Cristo para nos salvar (João 3:16 / João 14:6 / Romanos 5:8 / Lucas 5:32)

E assim se você...

1) ... se arrepender e confessar que é pecador, (2 Cor 7:10 / 1 Jo 1:9)

2) ... crer que Jesus é o Filho de Deus (Rom 10:9)

3) ... e pedir a Ele: “Jesus me perdoa, me salva! (Rom 10:13 / Lucas 23:33-43)

Então você será salvo!

1) Todos os seus pecados serão perdoados e lavados pelo sangue de Jesus (I João 1:7 / Marcos 1:40-42)

2) Você terá vida eterna no céu com Deus (João 3:16 / João 14:2-6)

3) A salvação não se perde jamais (João 10:27-30)

“Eis aqui agora o dia da salvação” (2 Cor 6:2)

Ninguém sabe quanto tempo vai viver, não adie a maior decisão que você tem a tomar na vida. Converse com Deus em uma oração simples, se arrependa, confesse, creia e clame “Jesus me perdoa, me salva, me lava, me transforma!” E assim você poderá ter absoluta certeza da salvação.

Fonte: Editora Elim – www.editoraelim.com.br – (21) 2415-7923

FOLHETO: ESTA FOI A SUA VIDA!

VOCÊ TEM UM TEMPINHO PARA VER?

PAÍSES QUE PASSARAM POR AQUI: QUASE 160

free counters