PARCERIA MEUSLINKS

Siga Também no Google+

Gostou do blog? Então Participe!

Top 5 Postagens Mais Populares da Última Semana

terça-feira, 28 de julho de 2015

Na contramão de Thalles e Baby do Brasil, Chris Duran descarta músicas seculares: “Absurdo”

Chris Duran, cantor gospel que teve uma carreira bem-sucedida na música secular nos anos 1990, afirmou que considera um absurdo que artistas convertidos ao Evangelho continuem interpretando canções populares.

Na contramão de um movimento recente entre alguns cantores gospel, como Thalles Roberto – que anunciou que iria dedicar seu próximo álbum para o público não cristão – e Baby do Brasil, que voltou a cantar suas músicas da época em que integrava o grupo Novos Baianos, Duran frisou que não há possibilidade de interpretar músicas que não sejam gospel.

O artista francês, convertido em 2001, já acumula sete álbuns de música gospel: “Não me arrependo da minha carreira. Foi ela que me levou à salvação. Ela foi necessária para que eu encontrasse a verdade. Me arrependo é dos pecados que cometi, do estilo de vida que levava”, contextualizou.

“Acho um absurdo certos cantores continuarem a cantar música secular. Jesus disse que numa fonte não jorra água doce e salgada. Posso até aparecer em programas seculares, mas firmando minha postura. O correto é fazer tudo para Deus”, afirmou o cantor, destacando seu “posicionamento radical”: “Não gravaria em hipótese alguma uma música romântica, sem chance. A finalidade dos homens não é trabalhar para si. É viver e trabalhar para Deus. Não se deve usar o dom recebido para ser bajulado”, frisou.

Hoje, aos 40 anos de idade, Duran afirma que também não aceitaria fazer um dueto com um padre-cantor: “Não creio no ecumenismo. Segundo a Bíblia, nem todos os caminhos levam a Deus […] Também não faria duetos com alguns evangélicos que não vivem de fato a palavra. Já vieram me procurar, mas não me interessei, por mais famoso que fosse. Não entrei no ramo gospel atrás de fama”, ponderou.

A conversão do hoje pastor aconteceu após um acidente de trânsito, quando voltava de um show com a cantora Gloria Estefan e o motorista dormiu, colidindo com um ônibus. A recuperação levou meses, e Chris Duran foi apresentado ao Evangelho nessa época.

Após se converter, Duran decidiu deixar a carreira: “Havia um vazio existencial dentro de mim, como acontece com quase todos os artistas […] O mundo em que eles vivem não é real, há muita bajulação. Eu vivia cercado por pessoas que não me completavam. Amy Winehouse, Whitney Houston… Por que tiveram um fim tão drástico mesmo com tanto sucesso? Porque ali havia um vazio. Procurei a Palavra para suprir minha vida”, resumiu, em entrevista ao site Ego.

Com informações do Gospel+


Silvio Santos tem encontro com Edir Macedo no Templo de Salomão


Silvio Santos passou a manhã desta segunda-feira (27), visitando o Templo de Salomão onde se encontrou com o fundador e líder da Igreja Universal, bispo Edir Macedo.

Depois de exibir um musical com o pastor da Igreja Universal do Reino de Deus e senador do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, neste domingo, 26, Silvio foi além e decidiu ir na principal casa dos fieis da Universal, o Tempo de Salomão, considerado sede mundial da Igreja e localizado na cidade de São Paulo.

O encontro durou toda a manhã. Silvio Santos foi acompanhado de sua esposa, evangélica, Íris Abravanel. Ela também trabalha no SBT e é responsável pelo remake de 'Cúmplices de Um Resgate', novela infantil protagonizada por Larissa Manoela e que estreia mês que vem. A última vez em que Silvio Santos e Edir Macedo se encontraram foi há 17 anos. Na época, as condições eram outras. Carlos Massa, o Ratinho pediu desligamento da Record e foi para o SBT. O canal do dono do Baú teria que pagar uma multa astronômica, foi então que Silvio decidiu dar uma passadinha em uma das igrejas de Macedo, assistiu a todo o culto e depois foi ter uma palavrinha com o pastor e empresário.

Esse encontro de 1998 é considerado histórico. Silvio já disse a amigos que tem uma dívida com Macedo por conta da iniciativa. Macedo abateu a multa contratual de Ratinho. Recentemente, o dono do SBT pediu a Roberto Cabrini que fizesse uma edição especial com o sócio majoritário da TV Record. A conversa foi em tom de homenagem e exibida no 'Conexão Repórter'. Silvio, inclusive, libertou meia hora de sua atração para o programa jornalístico.

Também estavam no encontro a esposa de Edir Macedo, Esther, além da filha do casal e apresentadora de 'A Escola do Amor', Cristiane Cardoso. Aliás, foi a loira que postou o registro do encontro em seu Instagram.

O encontro será exibido em uma matéria especial para a Record, que deve ser transmitida neste domingo, 02, no 'Domingo Espetacular'. Adriana Araújo ficará responsável pelo conteúdo.

Fonte: Blasting News / Folha Gospel

Conheça a comunidade no Nepal onde moradores vendem o próprio rim para sobreviver



Uma comunidade no Nepal possui várias pessoas que já venderam o próprio rim para conseguirem sobreviver.

O vilarejo de Hokse, que fica a 50 km de Katmandu, sempre é assediado por traficantes de órgãos, que prometem coisas absurdas aos moradores.

O local é conhecido como a “Aldeia do Rim”, já que vários habitantes venderam seus órgãos por preços bem baixos.

Um rim, que pode chegar a custar 260 mil dólares no tráfico internacional, é vendido por cerca de 2 mil dólares no vilarejo.

Comunidade no Nepal possui várias pessoas que já venderam o próprio rim para conseguirem sobreviver ou levar uma vida melhor.

Ainda há vários relatos de moradores que nem receberam, além de pessoas raptadas na região.

As cirurgias de retirada dos órgãos são feitas na Índia, a poucos quilômetros da aldeia.

Para conseguirem ludibriar os moradores, os traficantes usar argumentos bizarros, dizendo que o corpo precisa apenas de um rim para funcionar e até que outro órgão cresceria no lugar do retirado.

Geeta, de 37 anos, que possui 4 filhos, sempre se recusou vender um de seus rins. Mas quando a família cresceu, ela teve que ceder à pressão para poder cuidar de todos. “Eu sempre quis minha própria casa e um pedaço de terra. E com mais filhos, eu realmente precisava disso”, disse ela.

Geeta vendeu seu rim por 2 mil dólares, comprou uma pequena casa melhor para viver e foi morar nela. Só que um forte terremoto que atingiu o país em 25 de abril deste ano, destruiu o lar da mulher, que acabou sem a casa e sem um rim.

Após os terremotos, traficantes intensificaram a busca na região. Eles prometem uma vida melhor em outra região, com bons empregos, mas nada disso acontece.

As ofertas geralmente levam as pessoas até a Índia, onde perdem seus rins e são enviadas de volta para casa, com apenas 150 dólares.


“Deram uma injeção em mim que me fez ficar inconsciente por 24 horas. Quando acordei, eu estava em uma cama de hospital e haviam tomado o meu rim”, disse Ganesh Bahamur Damai, uma vítima dos traficantes.

Em 2007 o país aprovou uma lei que impede a venda dos rins, mas após o terremoto se acredita que esse fato aumentou ainda mais.

Fonte: MegaCurioso / Josiel Dias

Primeiras imagens do terceiro templo em Jerusalém. Assista!

Instituto do Templo lança vídeo com projeto para construção sagrada.


Primeiras imagens do terceiro
 templo em Jerusalém
Segundo o calendário judaico, este domingo (26/07) foi o nono dia do mês de Av. Recebeu o nome de Tisha Beav. É a data escolhida como dia de luto, em lembrança dos eventos mais trágicos da história judaica. Acredita-se que foi nessa data a destruição pelos babilônicos do Templo de Salomão, no ano 586 a.C., e a destruição do Segundo Templo, pelos romanos, no ano 70.

Cedo pela manhã, 900 judeus subiram ao Monte do Templo, numa caminhada pacífica. Contudo, ocorreu uma reação violenta de palestinos. Os não islâmicos são oficialmente proibidos de rezar no local, que fica bem no centro de Jerusalém. Policiais precisaram intervir e houve muita confusão, resultando na prisão de alguns judeus.

Hora depois, como uma espécie de resposta à violência com que foram recebidos, o Instituto do Templo publicou um vídeo mostrando as primeiras imagens de como será o terceiro templo em Jerusalém.

Criado por computação gráfica, o material mostra que estão prontas as plantas da construção e como será o interior do local que Deus mandou Salomão construir.

O vídeo de três minutos anda pelo santuário principal, mostrando como todos os detalhes seguem a Halakhic (lei judaica), desde as dimensões até as peças usadas no serviço sacerdotal. Existe até o espaço para reuniões do Sinédrio, que já está em atividade.

Em questão de minutos as imagens foram anunciadas por diversos sites especializados em profecias como “um grande sinal”.

Na verdade, todas as peças necessárias já estão prontas, incluindo o menorá, o altar do incenso, mesa com os pães da proposição.

Todos eles já foram mostrados pelo Instituto, totalizando 70 outros objetos sagrados, entre eles o altar do sacrifício e o véu que separa o Santo dos Santos. Os levitas já estão treinados e prontos para o serviço.

Uma campanha na internet havia levantado recentemente mais de US$ 100.000 para os planos arquitetônicos. O Instituto trabalha também para criar pela primeira vez em dois mil anos uma Novilha Vermelha, essencial para a purificação dos sacerdotes. Também já apresentou um plano de financiamento que possibilitaria reconstruir o local em pouco tempo.

O rabino Chaim Richman, Diretor do Instituto, lembra que “um terço de todos os mandamentos da Torá dizem respeito à construção do serviço no Templo Sagrado. Hoje, não apenas lamentamos a destruição dos dois Templos Sagrados, mas também nossa incapacidade de cumprir um terço da Torá.”

Além do Instituto do Templo, o Movimento Fiel da Terra de Israel liderado por Gershon Salomon está pedindo que o governo de Israel se manifeste.

Richman afirma ser inadmissível que bandeiras do Hamas e do Estado Islâmico terem sido exibidas no local várias vezes. “O Monte do Templo não é somente um direito civil para o povo judeu. Trata-se de oferecer o direito que toda a humanidade possa fazer orações no lugar mais sagrado… O que estamos falando aqui é de uma revolução espiritual, na qual o templo tem um papel muito fundamental. Acho que este assunto está se tornando mais popular do que nunca.” 




Com informações de United With Israel e Israel National News / Gospel Prime

Heloísa Perissé diz que “ora o dia todo” e evangeliza: “Jesus Cristo é o Salvador”; Assista

Um vídeo com declarações da atriz e comediante Heloisa Perissé, comentando a sua prática de fé em entrevista ao programa Encontro com Fátima Bernardes, na TV Globo, viralizou novamente nas redes sociais.

A entrevista, concedida em novembro de 2013, mostra o lado espiritual da artista, conhecida por seus papéis em série e novelas da Globo.

“Antes de começar o meu dia, quando eu piso, antes de tomar o meu café da manhã, quando eu ligo a água do chuveiro para tomar banho, quando estou dirigindo, quando as minhas filhas saem para a escola… Eu oro o dia inteiro”, disse a atriz, à época.

Transmitido ao vivo, o programa tinha participação dos vencedores do Troféu Promessas daquele ano, além de cantores como Anderson Freire, Fernanda Brum, Ministério Pedras Vivas e Arautos do Rei.

Heloisa contou, sob o olhar atento do ator Francisco Cuoco, que também participava do programa, que nasceu em uma família de tradição católica, mas sua busca por um relacionamento mais íntimo com Deus foi uma decisão pessoal e a levou a seguir a tradição protestante.

“É um Deus maravilhoso, esse Deus é tremendo. O sol, a luz, a união das cores, é tremendo. Ô glória”, disse a atriz, falando sobre o “papo reto” que leva com Deus. Questionada pela apresentadora se dá um nome a essa espiritualidade, Perissé não titubeou: “Eu sou cristã, e isso é acreditar que Jesus Cristo é o Salvador”.

Atualmente, Heloisa Perissé é frequentadora de uma Igreja Presbiteriana no Rio de Janeiro, e está no ar na Globo com o game de humor Tomara Que Caia, exibido nas noites de domingo após o Fantástico.

Reveja a entrevista de Heloisa Perissé ao Encontro e seu testemunho do relacionamento com Deus:




Fonte: Gospel Mais

Cientistas indicam que fim do mundo acontecerá até o ano de 2100




Cientistas indicaram que o fim do mundo deve acontecer nos próximos anos, já que haverá extinção de alimentos e recursos vitais até 2100.

A previsão pode soar de forma chocante, mas vale lembrar que na década de 1970 era dito que o planeta acabaria em 2050, o que está a apenas 35 anos de distância dos dias atuais.

A data de destruição foi prevista por uma equipe de pesquisadores que utilizam um modelo de computador chamado World3, que foi usado pela primeira vez nos anos 70.

Cientistas indicaram que o fim do mundo deve acontecer nos próximos anos, já que haverá extinção de alimentos e recursos vitais até 2100.

Um programa triturou enormes quantidades de dados para calcular quando os seres humanos iriam usar todos os recursos finitos do planeta.

Mas eles não levaram em consideração a revolução das comunicações, o que permitiu à indústria trabalhar de forma mais produtiva. Eles também não notaram as alterações que permitiram o uso de menores quantidades de energia, gerando menos poluição.

Aled Jones, co-autor do estudo, disse : “Eles fizeram uma boa tentativa na década de 1970, mas ela poderia ter sido muito pessimista. O limite foi adiado para a segunda metade deste século”.

Claro que o fato da ciência prever o apocalipse não chega a um resultado exato.

De acordo com os especialistas, a sociedade precisa procurar cada vez mais melhorar a vida para que esse limite de tempo seja elevado.

Fonte: Mirror / JD

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Bilhões em ouro descoberto em Israel servirão para construir o Terceiro Templo


A descoberta de ouro com valor estimado na casa dos bilhões de dólares sob o Monte Eilat no sul de Israel chamou atenção esta semana. A entrevista do rabino Yehuda Glick, diretor executivo do Instituto Monte do Templo em Jerusalém, divulgada pelo site Breaking Israel News, indica que esse dinheiro poderia facilmente ser usado para a construção do Terceiro Templo.

Yehuda afirma que havia mantido isso em segredo durante os últimos anos, mas agora deseja que o governo seja pressionado para permitir que o ouro seja retirado. Embora bastante criticado por correntes do judaísmo, o rabino Glick é internacionalmente conhecido por sua dedicação em assegurar que o Monte do Templo seja acessível a todas as pessoas que desejem adorar no local sagrado na capital de Israel.

Seus esforços já despertaram a ira de muçulmanos a ponto de ele ter sido vítima de uma tentativa de assassinato em outubro de 2014, quando foi atacado por um terrorista palestino. Ele recebeu quatro tiros no peito, mas sobreviveu e acredita que isso só reforça sua disposição de ver o Monte do Templo servir novamente como “casa de oração para todos os povos”.

A descoberta do ouro ocorreu após Yehoshua Friedman, um dos pesquisadores do Instituto do Templo, fazer pesquisas sobre cada uma das 12 pedras que ficavam no peitoral do Sumo Sacerdote, conforme descrito no Antigo Testamento. Cada pedra representa uma das 12 tribos de Israel.

Friedman e Glick afirmam que conhecendo os versículos bíblicos a respeito do ouro na Terra de Israel, percebeu que o assunto devia ser melhor investigado. A descoberta do ouro no Monte Eilat ocorreu pela primeira vez em 2007, na escavação de uma equipe da Austrália.


Rabino Yehuda Glick, diretor executivo do Instituto Monte do Templo em Jerusalém.

Como a exploração não foi levada adiante na época, agora o Instituto do Monte do Templo só aguarda uma autorização do Ministério de Energia e Infraestrutura para recomeçar. Eles já fizeram contato com várias outras empresas de mineração para analisar a estrutura geológica das montanhas de Eilat.

Quando perguntado o que pretende fazer com os bilhões de dólares que podem ser retirados do local, Glick asseverou: “Esperamos usar o ouro na construção do Terceiro Templo. Queremos usar esse ouro para fazer todos os utensílios necessários para o serviço [sacerdotal] e vender o restante. O dinheiro servirá para comprar os materiais e pagar a mão de obra necessária para reconstruir o Templo. Estamos ansiosos para este grande dia!”.

Todas as vezes que religiosos judeus começam a falar sobre o Terceiro Templo, isso implica em retirar do Monte duas mesquitas sagradas para os muçulmanos que estão atualmente no local. Os rumores já geraram uma ameaça de guerra. Alheio a isso, o Instituto do Templo já anunciou que tem quase tudo pronto para recomeçar os sacrifícios segundo o ritual bíblico, tendo inclusive treinado sacerdotes e levitas.

Publicado em GP / Notícias Cristãs

DOMO DA ROCHA "EM VIAS DE EXTINÇÃO" - AFIRMA A CNN


A cadeia norte-americana de TV "CNN" divulgou na semana passada uma lista daquilo que considera serem as "25 magníficas estruturas em vias de extinção", estando a Cidade antiga de Jerusalém no topo da lista.

A cadeia noticiosa citou a "tensão política" como razão primária para que o sítio se encontre em perigo.

A Cidade velha, bem como as suas muralhas, encontra-se desde 1982 à cabeça da "Lista do Património Mundial em perigo" organizada pela UNESCO, segundo proposta feita pela Jordânia.


A Cidade velha é aquela que há mais tempo tem estado continuamente nesta lista da UNESCO. A CNN divulgou a lista, destacando o "Domo da Rocha" do meio dos outros 200 monumentos anualmente visitados por milhões de turistas que visitam Jerusalém.

A parte oriental de Jerusalém, incluindo a Cidade velha, ficou sob domínio jordano desde 1948, durante a Guerra da Independência de Israel. Em 1967, durante a Guerra dos Seis Dias, a Cidade foi reunificada e anexada por Israel, uma medida que até ao dia de hoje não tem sido reconhecida a nível internacional. Desde essa altura que a Cidade tem sido um epicentro de conflitos.

Num desastroso esforço para manter a estabilidade, logo após a reunificação, o governo israelita optou por ceder o controle do Monte do Templo à Waqf muçulmana sediada na Jordânia. Este mesmo Monte onde outrora foram erigidos o primeiro e o segundo Templo...



E as consequências desta desastrosa decisão são fáceis de ver: os não muçulmanos (judeus e cristãos) estão proibidos de fazer quaisquer orações ou leituras da Bíblia no Monte; qualquer espécie de ritual religioso não islâmico é imediatamente combatido, muitas vezes de forma violenta; o acesso ao Monte por parte de judeus e não muçulmanos tem bastantes restrições; e como se isto não bastasse, na semana passada a comunicação social divulgou a imagem de uma bandeira negra do "ISIS" desfraldada no Monte...

Realmente o local mencionado pela CNN está "em vias de extinção" e o próprio Monte em si, mas não pelas razões apontadas pela CNN. A Waqf muçulmana continua a fazer escavações no local, e isso sem qualquer autorização ou métodos de preservação. Isso, sim, põe em causa a estabilidade do lugar...

Para além disso, a Waqf muçulmana tem vindo a ser acusada de andar a tentar destruir evidências arqueológicas que comprovam a presença judaica na região e no Monte do Templo.


Shalom Israel

sábado, 25 de julho de 2015

Cassiane responde a Thalles e diz que ele não pode medir o trabalho de Deus através dela


Cassiane é uma das cantoras pentecostais mais conhecidas do país, com décadas de carreira e inúmeras premiações. Ao lado do marido, Jairinho, dirige uma congregação da Assembleia de Deus em Alphaville, bairro nobre de Barueri (SP). E com esse histórico, Cassiane resolveu se posicionar a respeito das declarações feitas na última semana por Thalles Roberto.

O cantor mineiro declarou, em duas oportunidades diferentes, que se sente “acima da média” no meio gospel pois o segmento só tem “gente fraca”, e acrescentou que, sozinho, consegue ser melhor e mais rico que todos os outros.

“Aquilo que Ele faz e tem feito na minha vida durante 34 anos de ministério não pode ser medido por alguém que acabou de chegar”, respondeu Cassiane, em entrevista à Neves WebTV.

A cantora destacou que tem apreço pelo cantor, que não se afetou pelas declarações feitas por ele, mas irá orar para que o cenário atual seja apenas uma confusão passageira: “Eu acho que cada um tem que orar pelo seu próprio ministério. Eu amo o Thalles e respeito muito o ministério dele e agora eu estou só orando”, afirmou.




Perdão

A repercussão negativa das declarações de Thalles entre os diversos artistas gospel o fez recuar, pedir perdão pelo equívoco e explicar que sua intenção não era ofender.

O cantor gravou um vídeo explicando os motivos de ter escolhido priorizar o público secular em seu próximo álbum.

“Tomei essa decisão em uma visitação do Espírito Santo, que ele fez comigo, mudou minha história, minha mente, e tudo que eu tava pensando. Deus veio me direcionar para coisas novas. Mas primeiramente, eu queria pedir perdão, porque se você assistir o vídeo inteiro, você vai ver que eu estava falando de mim. Quando eu falo ‘isso aí é fácil fazer, essa música qualquer um faz’, eu estava falando de mim. Eu estava desafiando a mim a partir. Mas soou que eu estava desvalorizando os irmãos cantores da música gospel, as pessoas da igreja, pastores que eu amo. Então, a nobreza de um homem cristão, como eu, um homem de Deus, é pedir perdão. Perdoe. No afã de falar o que Deus está me mandando fazer, eu posso ter me equivocado, sim. Sou um homem, falho. Me desculpem, não foi essa minha intenção”, desculpou-se.

Fonte: Gospel Mais

Após 20 anos de azar, homem devolve pedras que havia roubado de sitio arqueológico



Certo de que estava sob o efeito de uma maldição, um ladrão devolveu dois tesouros arqueológicos a um museu em Israel, com uma nota confissão dizendo que tinha sofrido 20 anos de azar. Os objetos foram roubados do sítio arqueológico da antiga cidade de Gamla, nas Colinas de Golã.

Os funcionários do Museu das Culturas Islâmicas, na cidade de Beersheba, ao sul de Israel, encontraram um saco com os dois objetos e um bilhete que dizia: “Eu as roubei em julho de 1995 e, desde então, só me trouxeram problemas. Por favor, nunca roubem antiguidades!”

As pedras foram usados ​​pelos romanos contra os judeus que estavam tentando impedir a conquista da cidade.

Fonte: O Globo / Tabloidebr

sexta-feira, 24 de julho de 2015

Thalles Roberto canta Renato Russo

Para o cantor, igrejas deveriam cantar Legião Urbana nos cultos


Comentário de Julio Severo:  A primeira vez que vi um evangélico dizendo que ouvia o homossexual Renato Russo foi o Pr. Renato Vargens. Na época, em 2012, não houve grande repercussão nas redes sociais, pois os maiores promotores de estardalhaço gospel eram (e são) os blogs calvinistas, companheiros teológicos de Vargens. Não concordo com as palavras orgulhosas ditas por Thalles contra seus companheiros de música gospel, mas se ele deve ser criticado por causa de Renato Russo, por que não também Renato Vargens?
Desaprovo a conduta de Vargens e Thalles, mas minha pergunta para os inquisidores gospel de foice e martelo apologético calvinista é: Por que agridem Thalles por causa de Renato Russo se não agrediram o compadre Vargens pelo mesmo motivo? Possivelmente, em 2012 o Thalles leu o artigo pró-Renato Russo escrito por Vargens, gostou e deu no que deu. Não vou repostar artigos calvinistas contra o Thalles. Repostarei somente o texto seguinte, do GospelPrime, que exibe equilíbrio:



As declarações do cantor Thalles Roberto são um dos assuntos mais comentados pelos evangélicos nas últimas semanas. Após dois vídeos com “desabafos” do artista serem amplamente divulgados nas redes sociais, ele foi alvo de muitas críticas.

Durante o evento Conferência Global, realizado dia 18 de julho em Brasília , afirmou que é o melhor cantor do gospel e que está acima da média dos demais.

Dias depois, foi divulgado um vídeo de uma apresentação onde o artista declarou que canta melhor que todos os cantores juntos e que sua riqueza é maior do que todos os bens que os cantores evangélicos podem somar.

Entre os milhões de exibições que os vídeos tiveram, logo surgiram dois tipos de resposta. A maioria mostrou sua indignação pelo tom que Thalles usou, classificando-o de arrogante e de não ter um comportamento de homem cheio do Espírito, o que ele afirma ser.

Por outro lado, um número menor de evangélicos tem pedido oração por Thalles, para que ele não se perca. Obviamente, os admiradores dele o defendem, chegando muitas vezes a ofender quem o critica.

Ciente da celeuma que acabou causando, especialmente entre os cantores do segmento, pediu desculpas em um vídeo postado em sua conta do Facebook dia 18. Ele afirma que “pode ter se equivocado” na maneira como se expressou e que não tinha a intenção de menosprezar os demais cantores do meio gospel.

Agora, uma nova filmagem começou a circular na internet. Ela mostra um outro trecho das declarações de Thalles durante o show onde disse que estava saindo do meio gospel.

O material tem pouco mais de um minuto, onde cantor afirma que as igrejas deveriam cantar todos os domingos a música “Pais e Filhos”, composta pelo cantor homossexual Renato Russo, que morreu de AIDS.

Ele entoou o refrão que diz: “É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã, porque se você parar pra pensar, na verdade não há”.

Logo em seguida, criticou a música Raridade, do cantor evangélico Anderson Freire, que diz “Você é um espelho que reflete a imagem do Senhor. Não chore se o mundo ainda não notou. Já é o bastante Deus vai reconhecer o seu valor”.

Logo em seguida deixou uma pergunta em tom de acusação: “Você não consegue pensar, não raciocina?”.

Curiosamente, embora tenha criticado a música, usou seu perfil no Facebook, para postar exatamente uma mensagem com um trecho de “Raridade” no dia 19, quando as polêmicas estavam no auge.

Entre os vários assuntos debatidos entre os evangélicos nas redes sociais nestes dias está a “profecia” que Thalles recebeu no dia de sua ordenação a pastor .

“A morte da Palavra não é o silêncio, mas é a Palavra pela metade, comprometida. É preferível um pastor se calar do que comprometer a Palavra de Deus… E você está mostrando o desejo de ser pastor, pregador dessa Palavra. Entenda a força disso”.

Fonte: GospelPrime

Divulgação: www.juliosevero.com

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Homens arriscam suas vidas para salvar escravas sexuais do Estado Islâmico

Imagem/reprodução

 
Nos piores momentos da humanidade surgem os maiores heróis. A máxima está sendo colocada em prática no Oriente Médio, em parte tomado pelos jihadistas do Estado Islâmico. Por lá, homens se juntaram e formaram grupos de resistência que tem como objetivo salvar mulheres tratadas como escravas sexuais pelos terroristas.

De acordo com o Daily Mail, essas mulheres viviam escravizadas pelo EI, sendo vítimas diárias de estupros, espancamentos, açoitamentos e até apedrejamentos. Em alguns casos, após o salvamento, essas mulheres foram flagradas sendo carregadas por seus salvadores, tamanha a dificuldade que tinham para andar.

O objetivo do grupo é bastante simples: resgatar essas mulheres na surdina e levá-las escondidas até a fronteira com o Iraque, muitas vezes atravessando boa parte da Síria. O destino final costuma ser qualquer território para refugiados que esteja longe do controle do EI. As fugitivas têm pelas consciência de que, se capturadas novamente, serão torturadas até a morte.

Entre as mulheres recuperadas estão idosas e crianças. Muitas delas, afirmam os ativistas responsáveis pelo resgate, precisam de acompanhamento psicológico após o retorno para superar os horrores vividos. Para o bem da humanidade, o grupo de resgate tem atraído cada vez mais membros e, graças a isso, muitas mulheres estão conhecendo novamente o gosto da liberdade.

Com informações do Yahoo

Bianca Toledo afirma que dom de cura aumentou “mil vezes” depois de milagre

Missionária vendeu mais de 500 mil livros e DVDs com seu testemunho


Bianca Toledo afirma que dom de cura aumentou “mil vezes” depois de milagre
Bianca diz que saiu do hospital com a “fé ativada”


O testemunho de Bianca Toledo impressiona qualquer espectador. As imagens do período em que ela esteve internada na UTI com falência múltipla de órgãos e as fotos que hoje divulgam seu ministério mostram duas pessoas completamente diferentes.

A missionária, membro da Igreja Batista Central da Barra, no Rio de Janeiro, prefere dizer que morreu e ressuscitou, pois, os médicos só davam 20% de chances para que ela sobrevivesse.

“Saí do hospital com o poder da fé ativado”, disse Bianca em entrevista à revista Época. Os meios de comunicação sempre buscam informações sobre sua história que já foi contada em um livro e também em um DVD que já venderam mais de 500 mil cópias.

Hoje a missionária, que voltou a cantar e lançou um CD, tem três livros lançados e se prepara para lançar outros três títulos até o final do ano. Seus ensinamentos também são compartilhados através das redes sociais onde ela coleciona milhões de seguidores.


Bianca em recuperação no hospital. Ela sofreu uma ruptura do intestino (Foto: Arquivo pessoal)

Só no Facebook são 1,9 milhões de pessoas que recebem diariamente mensagens bíblicas e de motivação voltadas para áreas como família, relacionamentos e saúde.
Os trabalhos de Bianca cumprem um chamado que recebeu ainda no hospital quando Deus afirmou que ela seria enviada para falar dEle para todo o mundo. “Vou te restaurar por completo e te levarei a toda a Terra para você falar quem sou”, foi a promessa que ela recebeu.

Ao sair do hospital, Bianca estava com “a fé ativada” e começou a testemunhar o milagre de Deus que a transformou completamente. Hoje a missionária tem o dom da cura, ora e impõe as mãos sobre os enfermeiros e eles são curados.

Com informações do Gospel Prime



quarta-feira, 22 de julho de 2015

Lista dos 10 ditadores mais cruéis que mais mataram pessoas no mundo

Imagem/fonte: cultura mix

Diversas partes do mundo foram cenários de selvageria, atrocidades e crueldade sem limites; promovidos por ditadores que se destacaram de forma negativa pelo colossal número de assassinatos a eles atribuídos.

Abaixo você confere um TOP 10 ditadores mais sanguinários e matadores de todos os tempos.são estatísticas do número de mortos por período de várias ditaduras.

 1. Mao Tsé-tung (ou Mao Zedong) (1893-1976)
VÍTIMAS: 77.000.000
 
PAÍS: China 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Execuções, assassinatos e políticas econômicas desastradas que mataram de fome parte da população 

[​IMG]

Líder do Partido Comunista Chinês desde 1931, Mao foi presidente da República Popular da China de 1949 a 1959 e presidente do Partido até sua morte. Neste período, implantou um regime de terror, com o assassinato de “contra-revolucionários”, proprietários rurais e inimigos políticos, sendo responsabilizado pela execução de vários ex-companheiros, militantes comunistas expurgados sob as mais variadas justificativas. 

A partir de 1950, lançou um programa de reforma agrária e coletivização da agricultura que desorganizou a economia do país e provocou a maior onda de fome já registrada pela História. Pouco depois deste episódio, Mao e seus assessores mais próximos lançaram em meados da década de 1960 a Revolução Cultural, esforço justificado como uma tentativa de mudar a mentalidade da população chinesa e prepará-la para o socialismo. A campanha levou a prisões em massa, fechamento de escolas e perseguições que provavelmente causaram a morte de mais de 1 milhão e meio de pessoas. 



2. Joseph Stalin (1879-1953)
VÍTIMAS:
43.000.000 
PAÍS: União Soviética 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Assassinatos, perseguições étnicas

[​IMG]

Durante os 25 anos que governou ditatorialmente a antiga URSS, Stalin transformou o país em potência mundial, promovendo a industrialização. Isso envolveu, porém, entre outras coisas, a implantação de um programa forçado de coletivização da agricultura e abolição da propriedade privada, que só foi possível com o assassinato de agricultores e a criação de um estado de terror policial, através do qual promoveu o expurgo e a execução de adversários políticos. 

Depois de ter papel fundamental na derrota dos nazistas na Segunda Guerra Mundial (1939-1945), estendeu o controle soviético aos países das Europa Oriental, obrigando vários deles a manterem-se no bloco comunista, ao custo da repressão de opositores, da fome e do empobrecimento das suas populações. Stalin também foi responsabilizado pela existência de campos de trabalhos forçados para deter dissidentes e pela perseguição de minorias étnicas que viviam na União Soviética, realizando transferências compulsórias de populações que causaram número de mortes jamais calculado com precisão. 



3. Adolf Hitler (1889-1945)
VÍTIMAS:
21.000.000 
PAÍS: Alemanha 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Guerra, campos de extermínio

[​IMG]

Líder do Partido Nacional Socialista (nome oficial da organização nazista)* entre 1921 e 1923 e chefe do governo da Alemanha de janeiro de 1930 até a morte, Hitler chegou ao poder através de eleições livres, depois de tentar um golpe de estado que resultou em sua prisão. Transformou-se em ditador logo em seguida, com a eliminação de rivais e opositores. 

Principal responsável individual pela Segunda Guerra Mundial, que deflagrou ao invadir a Polônia em 1939, ordenou que exércitos alemães atacassem e ocupassem vários países, assumindo a responsabilidade pelas atrocidades cometidas pelos nazistas em seu nome durante a primeira metade da década de 1940 na Europa e norte da África. Também permitiu e incentivou a realização organizada de genocídio que buscava exterminar judeus, ciganos, deficientes físicos e mentais, dissidentes políticos, homossexuais e outras minorias. Suicidou-se ao fim da guerra. 

[SIZE="1"]*O termo Nazi é uma contração da palavra alemã (NA)tionalso(ZI)alist (Nacional Socialista)[/SIZE]



4. Kublai Khan (1215- 1294)
VÍTIMAS:
19.000.000 
PAÍS: Mongólia 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Guerra, assassinatos 

Com nome também traduzido como Khubilai ou Kubla, o “khan” (“chefe”) era neto do conquistador Genghis Khan. Atacou a China, derrotou-a e em 1271 proclamou-se o primeiro imperador da dinastia mongol que governou o país. Além das mortes causadas pelas guerras que provocou em diversas partes da Ásia (incluindo Pérsia, Vietnã e sul da Rússia), os soldados sob seu comando tornaram-se conhecidos por atos de extrema crueldade contra populações civis, incluindo castração de prisioneiros, assassinatos em massa e estupros coletivos. 

O único relato pessoal sobre ele foi feito por Marco Polo, que visitou sua corte. O viajante italiano apresenta Kublai Khan como um soberano ideal – durante o reinado, a China atravessou uma fase de grande prosperidade – mas reconhece que ele era incapaz de controlar os atos de subordinados e tinha propensão a sofrer ataques ocasionais de crueldade assassina. 



5. Imperatriz Cixi (1835 - 1908)
VÍTIMAS:
12.000.000 

PAÍS: China 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Repressão a rebeliões da população

[​IMG]

Também conhecida como Imperatriz Tz'u-hsi, era uma das concubinas de status inferior do Imperador Xianfeng quando, em 1856, deu à luz aquele que viria a ser seu único filho. Quando o garoto tinha seis anos de idade o pai morreu e ele tornou-se o Imperador Tongzhi, mas poucos meses depois um golpe de estado levou Cixi a assumir o poder de fato. Seu governo a princípio tentou combater a corrupção endêmica no país, mas foi marcado pela ocorrência de grandes levantes populares, que devastaram províncias tanto do norte como do sul e foram sufocados com grande brutalidade. 

Porém o maior deles, a Rebelião dos Boxeadores (de 1900 a 1901) teve estímulo oficial da Imperatriz e de funcionários do governo, em apoio a uma sociedade secreta de praticantes de artes marciais, que lutavam para expulsar todos os estrangeiros do território chinês. O incidente culminou com a intervenção de uma força militar internacional que ocupou e saqueou Pequim, provocando enorme quantidade de baixas entre a população. 



6. Leopoldo II (1835 – 1909)
VÍTIMAS:
10.000.000 
PAÍS: Bélgica 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Guerra, fome, assassinatos

[​IMG]

O rei da Bélgica que ocupou o trono de 1865 até a morte acreditava que a obtenção de colônias em outros continentes era indispensável à prosperidade econômica de seu país, e devotou todos os esforços para alcançar esse objetivo. Entre os empreendimentos estava a criação do Estado Livre do Congo, território de sua propriedade particular localizado na África, de onde eram extraídos borracha e marfim com o uso de trabalho escravo, recrutado entre a população local. 

Denúncias divulgadas na primeira década do século 20 revelaram também que assassinatos a sangue frio eram prática habitual no território. As primeiras estimativas da quantidade de vítimas só foram feitas em 1924, e ressaltaram a dificuldade de quantificar perdas populacionais ocorridas naquele período na região. Estudos posteriores indicaram que provavelmente nunca será conhecido o total exato de pessoas mortas pelas agressões militares indiscriminadas, fome e disseminação de doenças tropicais causadas no Congo pela ação dos belgas sob o Rei Leopoldo II.



7. Chiang Kai-shek (1887 - 1975)
VÍTIMAS:
10.000.000 

PAÍS: República da China (Nacionalista) e Taiwan 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Guerra, massacres

[​IMG]

Chiang Chung-cheng era o nome oficial do general que liderou o governo nacionalista da China entre 1928 e 1949. Em 1927, ele chefiou um sangrento golpe de estado e massacrou milhares de militantes comunistas, contra quem travou uma guerra civil, encerrada em 1949 com a vitória de seus inimigos, as forças de Mao Zedong. Nesta época, foi acusado de ignorar as necessidades da população afetada pelo conflito, agravando seu sofrimento e contribuindo para aumentar o número de baixas. 

Após a derrota, Chiang fugiu para a ilha de Taiwan, onde fundou um novo país depois de enviar soldados para exterminar cerca de 20 mil moradores locais. Governou Taiwan por quase 30 anos, recorrendo a métodos como torturas, prisões sem julgamento e assassinatos generalizados, além de usar corrupção, chantagem e censura à imprensa para reprimir seus opositores.



8. Genghis Khan (1162-1227)
VÍTIMAS:
4.000.000
 
PAÍS: Mongólia 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Guerras, massacres

[​IMG]

O guerreiro-governante mongol foi um dos maiores conquistadores da História, construindo império que se estendeu da Ásia ao Mar Adriático, na Europa. Começou subjugando as tribos nômade vizinhas à sua, que unificou sob um estado militar de rígida disciplina, passou a atacar vilarejos além das áreas sob o controle original de seu povo, e acabou por liderar exércitos em campanhas militares que causaram destruição, morte e caos econômico por todo o continente asiático. 

Entre as táticas empregadas por ele e por seguidores sob seu comando estava o terror psicológico provocado pela aniquilação de populações inteiras que resistissem aos seus ultimatos. Historiadores modernos reconhecem a importância da liderança de Genghis Khan nas atrocidades cometidas por seus guerreiros, mas ressalvam que muitos dos abusos foram praticados por generais agindo por conta própria, sem sua supervisão direta. 



9. Hideki Tojo (1884-1948)
VÍTIMAS:
4.000.000
 
PAÍS: Japão 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Guerra, massacres, fome

[​IMG]

Militar que foi primeiro-ministro do Japão durante a maior parte da Segunda Guerra Mundial (no período entre 1941 e 1944), Tojo participou de um motim em Tóquio em 1936, antes de ser nomeado no ano seguinte como comandante do exército japonês que ocupava a Manchúria, promovendo massacres contra a população local. De volta a Tóquio, tornou-se um dos principais defensores do acordo com a Alemanha nazista e a Itália fascista, que originou o Eixo. Tornou-se ministro da Guerra do gabinete japonês em 1940, assumindo a chefia do governo no ano seguinte. 

Um dos militaristas mais agressivos entre o grupo que dirigia o país, coordenou o esforço de guerra e assumiu poderes ditatoriais durante o conflito. Quando a derrota final aproximava-se, em 1944, Tojo foi afastado do comando das forças armadas. Após a rendição tentou suicídio, mas sobreviveu. Julgado por crimes de guerra, foi condenado e enforcado. 



10. Pol Pot (1925-1998)
VÍTIMAS:
2.000.000 

PAÍS: Camboja 
MODUS OPERANDI PRINCIPAL DAS MORTES: Massacres, fome

[​IMG]

Saloth Sar era o verdadeiro nome do ditador cambojano conhecido pelo codinome Pol Pot, que entre 1975 e 1979 liderou um governo comunista radical, responsável pela retirada em massa da população das cidades, enviada à força para “campos de reeducação” no interior, com objetivo de criar uma nova sociedade sem classes. A operação envolveu o assassinato de milhões de pessoas e o desarranjo da economia, causador de uma onda de fome e doenças que, aliada à repressão política, provocou eventualmente o extermínio de quase a metade da população do país, segundo algumas estimativas. 

O legado de brutalidade e caos social prossegue até hoje – o Camboja continua sendo um dos países mais pobres do mundo, mergulhado em turbulento impasse político e com umas das maiores taxas de incidência de AIDS do planeta. Afastado por uma invasão vietnamita em 1979, Pol Pot embrenhou-se na selva e continuou chefiando um governo assassino, agora em guerra civil, até ser afinal deposto em 1997. Foi então colocado em prisão domiciliar por seus ex-companheiros e morreu no ano seguinte de causas naturais.
 


Com informações do cultura mix / outer space

Lista das 10 postagens mais populares desde à criação do Blog

Pegue uma Bíblia e descubra Como ir para o Céu

O plano de Deus para a sua salvação

Primeiro você precisa saber:

1) Boas obras não salvam (Efésios 2:8,9 / João 14:6 / Tito 3:4-7)

2) Todos pecaram inclusive você (Rom 3:23)

3) E por isso todos estão indo para a morte eterna (o Inferno) (Rom 6:23)

4) Mas Deus nos amou tanto que enviou Jesus Cristo para nos salvar (João 3:16 / João 14:6 / Romanos 5:8 / Lucas 5:32)

E assim se você...

1) ... se arrepender e confessar que é pecador, (2 Cor 7:10 / 1 Jo 1:9)

2) ... crer que Jesus é o Filho de Deus (Rom 10:9)

3) ... e pedir a Ele: “Jesus me perdoa, me salva! (Rom 10:13 / Lucas 23:33-43)

Então você será salvo!

1) Todos os seus pecados serão perdoados e lavados pelo sangue de Jesus (I João 1:7 / Marcos 1:40-42)

2) Você terá vida eterna no céu com Deus (João 3:16 / João 14:2-6)

3) A salvação não se perde jamais (João 10:27-30)

“Eis aqui agora o dia da salvação” (2 Cor 6:2)

Ninguém sabe quanto tempo vai viver, não adie a maior decisão que você tem a tomar na vida. Converse com Deus em uma oração simples, se arrependa, confesse, creia e clame “Jesus me perdoa, me salva, me lava, me transforma!” E assim você poderá ter absoluta certeza da salvação.

Fonte: Editora Elim – www.editoraelim.com.br – (21) 2415-7923

FOLHETO: ESTA FOI A SUA VIDA!

VOCÊ TEM UM TEMPINHO PARA VER?

PAÍSES QUE PASSARAM POR AQUI: QUASE 160

free counters