PARCERIA MEUSLINKS

Siga Também no Google+

Gostou do blog? Então Participe!

Top 5 Postagens Mais Populares da Última Semana

domingo, 31 de março de 2013

Eu nunca diria que os gays são iguais aos drogados, diz Joelma após polêmica entrevista

A cantora reafirmou ser contra o casamento gay.


foto: agnews


Joelma falou sobre a polêmica gerada a partir de uma entrevista que ela deu para a coluna de Bruno Astuto na revista "Época", publicada neste sábado, 30. Na matéria, Joelma teria dito que é contra o casamento gay, que se tivesse um filho homossexual "lutaria até a morte para fazer sua conversão" e compara gays a drogados: "É como um drogado tentando se recuperar".

A cantora negou que tenha comparado homossexuais a drogados, mas reafirmou ser contra o casamento gay. "Estou decidida a entrar com um processo contra a revista se não colocarem como eu falei. Falei que sou contra o casamento gay, mas meus melhores amigos são gays. Meu maior confidente é gay", afirmou ela.

Joelma falou que o motivo de seu posicionamento é por ser evangélica, e afirmou que "lutaria até a morte" tentando mudar a orientação de um filho seu se ele fosse gay. "Sou contra porque minha religião não permite. Por isso eu não quero que meu filho seja gay", falou.

"Nunca diria que gays são iguais a drogados"

Sobre as comparações entre gays e drogados, Joelma atribui a declaração a um relato que ouviu de um fã. "O que eu contei é que meus fãs gays dizem para mim que é uma luta diária. Um deles me deu um exemplo dizendo que foi muito difícil, mas que ele conseguiu sair dessa luta, que é como se livrar das drogas. Eu nunca diria que os gays são iguais aos drogados".

Joelma disse ainda que mantém um ótimo relacionamento com homossexuais, com quem aprendeu muitas coisas como fazer o cabelo e se maquiar. "Não posso julgar ou criticar porque a vida é de cada um. Mas sou contra o casamento gay. Seria o mesmo que eu concordasse que meu filho gay se casasse. Uma mãe quando sonha coisas para o filho só sonha coisas boas".

Questionada sobre como trataria o assunto, caso o filho fosse gay e não quisesse "se converter", foi enfática: "Quando a gente não pode, Deus pode. Quando a gente não consegue Deus consegue. Fui curada de um câncer na garganta. Depois, ainda tive uma queda que fraturei a coluna e deveria ter ficado na cadeira de rodas, mas uma oração me curou".

"Se eu fosse homofóbica, não teria amizade com gay"

A cantora disse que costuma aconselhar e ouvir os desabafos dos fãs que, em sua maioria, são homossexuais. "Teve um que contou chorando que a mãe o colocou para fora de casa. Acompanho esse sofrimento. A gente não deve julgar. Não quero ofender ninguém. Mas se acontecesse perto de mim, nunca colocaria para fora de casa ou trataria como se não fosse família. Tem que lutar junto, estender a mão", comentou.

"Se eu fosse homofóbica, não teria amizade com gay. O que eles fazem é problema deles, não tenho nada com isso. Não fiz nada para agredi-los e não tenho esse direito", completou a cantora.

Por fim, Joelma voltou a comparar os homossexuais a drogados e a afirmar que acredita em uma "recuperação" para eles. "Uma mãe jamais vai aceitar um filho ladrão ou drogado, mas jamais vai deixar de amá-lo por causa disso. Ela vai querer fazer de tudo para que ele dê certo. Se eu vejo que tem saída... Conviver com o erro da pessoa é uma coisa, mas incentivar o erro é errado. Você tem que aceitar, amar, tratar bem, mas não dizer para a pessoa fazer".

FONTE: EGO / MN /

Cantora gospel portadora de doença óssea leva testemunhos de esperança e superação


Com 19 anos de idade, Taylor Carpenter, que nasceu com uma doença óssea chamada “Osteogênese Imperfeita” que deixa os ossos do portador mais frágeis. Hoje como líder de louvor, ela encoraja muitas pessoas com seu testemunho de superação e esforço.

“Basicamente, meus ossos são super fracos. Devido a esse defeito, eu uso cadeira de rodas. Também tenho pequena estatura e sou forçada a depender dos outros mais do que eu gostaria”, explicou Carpenter.

“Minha condição fez com que os meus ossos se formassem de maneira diferente, então eu tive que ter passar por múltiplas cirurgias nas minhas pernas, braços e costas”, completou a jovem, que ressaltou: “Meu cérebro funciona como o de todos os outros”.

No início deste ano, Carpenter lançou seu primeiro álbum, “Washed Away”, com 10 músicas. A artista lançou também um vídeo clipe da música título do CD. Segundo o The Christian Post, a resposta à música e testemunho inspirador de Taylor Carpenter já tocou muitas vidas.

O guitarrista e líder de louvor Devem Berryhill contou um pouco da trajetória de Taylor: “Alguns anos atrás, Carpenter fez um teste para ser uma parte de uma equipe de louvor liderado por estudantes, onde eu era o diretor de culto”.

“Taylor mostrou talento enorme e um coração para servir ao Senhor, mas sentimos que Deus tinha algo mais para ela. Cerca de seis meses depois da audição, Taylor me encontrou para dizer que ela tinha escrito uma canção. Ela perguntou se eu tinha um momento para ouvir uma de suas músicas. Como um pequeno tornado, ela virou-se para fora de seu carro, pegou seu violão, e virou-se para mim cantando uma música chamada ‘I Need You’. Eu gostei da música, mas estava realmente inspirado por sua paixão e entusiasmo. Algumas semanas mais tarde, a convidei para o meu estúdio para gravar uma demo da música”, acrescentou Berryhill, que completou falando sobre a trajetória de superação da jovem.

“Taylor é uma compositora incrível e uma líder de adoração que superou obstáculos enormes para atuar neste mundo, ainda mais para gravar um álbum. Ela é um testemunho das coisas grandes e firmes que Deus pode fazer através de uma pessoa que confia no Senhor, não importa em que circunstâncias”, finalizou o líder de louvor.

Carpenter hoje lidera o culto para o ministério em uma escola de ensino médio na Horizons Christian Fellowship Church em Clairemont (San Diego), e disse que tem visto o trabalho de Deus, especificamente através de seu encorajar para os cristãos e não crentes. Do palco, ela afirma que tem visto muitas lágrimas de seu público durante as apresentações e quando conversa com as pessoas depois.

“Eles ficam extremamente comovidos com a minha atitude e minha alegria, apesar das minhas circunstâncias e incapacidade. Sei que Deus tem planos para o meu futuro, o que é por isso que eu confiar nele para guiar a minha carreira para onde ele quer levá-la”, disse Carpenter, que afirmou ainda que recebe vários elogios por seu talento, e diz que seu plano é seguir para onde Deus a quiser levar.

Quando perguntada sobre por que ela acha que suas canções são descritas por algumas pessoas como tão cheias de esperança, Carpenter disse que acredita que as músicas que ela escreve foram dadas a ela por Jesus.

“Uma vez que Jesus é a nossa única e verdadeira fonte de amor, força, esperança e paz, essas músicas vêm de um lugar puro e honesto em meu coração quando eu canto. Quando eu canto, o Espírito Santo através de mim e canta toca o coração das pessoas e lhes dá esperança”, afirmou Taylor Carpenter.


Assista o clipe da cantora com a música “Washed Away”:



Com informações de o verbo.com

sexta-feira, 29 de março de 2013

A evangélica Fernanda Keulla, vencedora do BBB 13 afirma que não irá posar nua para nenhuma revista



A vencedora do Big Brother Brasil 13, foi a advogada mineira Fernanda Keulla. Ela recebeu 62% dos votos dos telespectadores onde ela recebeu um prêmio R$ 1,5 milhão e afirmou que não irá aceitar propostas para posar nua, conforme havia antecipado sua mãe, Cleomilda Keulla.

Ao revelar que declinará às ofertas de revistas masculinas, Fernanda disse que deixará o dinheiro do prêmio por vencer o BBB 13 nas mãos de seu pai: “O dinheiro é todo da minha família, não vou por a mão no dinheiro, meu pai vai administrar tudo. Não vou posar nua! Eu não deixaria minha família orgulhosa por causa disso”, afirmou.

Antes da transmissão da ultima apresentação do BBB 13, Fernanda se preparava para ir à sala onde os participantes conversam com o apresentador Pedro Bial, e leu uma oração escrita por sua mãe.

“Mesmo que o mundo me apresente outros valores, ensina-me amar; Mesmo que os meus irmãos me traiam, ensina-me amar; Mesmo que a esperança se vá, ensina-me amar; Mesmo nos momentos sem fé, ensina-me amar; Eu quero amar, Senhor. Primeiro a vós, depois aos meus irmãos. Quero amar a mim mesma, sem egoísmo, mas como exemplo do Vosso Santo Espírito. Amém”, dizia um trecho da oração.

Fernanda ainda agradeceu a Deus por ter chegado à final do reality show: “Muito obrigado por estar aqui com os meus amigos”, disse.

Com informações do O VERBO

Pela 1ª vez na vida, menina usa boca para comer após depender de sonda

Moradora de São Carlos, garota de 11 anos experimentou gelatina e suco.
Problema no aparelho digestivo obriga garota a utilizar bombas infusoras.



Caliane tomou suco de uva, água e experimentou gelatina (Foto: Gislaine Clara Boni/Arquivo pessoal)

Após 11 anos se alimentando por sonda, Caliane Boni Roque da Silva, de São Carlos (SP), comeu pela boca pela primeira vez na vida. A menina experimentou gelatina de framboesa, tomou água e suco de uva na terça-feira (26) depois de realizar uma endoscopia. “Ela já tinha paladar, mas pela ansiedade do que está acontecendo disse que a experiência foi bem diferente. Quando tomou o suco, falou que era gelado e que sentiu um arrepio. Agora é tudo uma questão de adaptação”, contou a mãe, Gislaine Clara Boni.

Caliane está internada no Hospital Sírio Libanês, na capital paulista, onde passa por tratamento para reverter um problema no aparelho digestivo que até então a impedia de se alimentar pela boca. A menina, que passou por 11 cirurgias durante a vida, ficou cinco meses na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Na última semana de fevereiro deste ano, ela foi transferida para o setor de pediatria após se recuperar de um procedimento para reconstrução do intestino, feito no dia 30 de janeiro.

Desde o nascimento, a garota recebe alimento líquido, injetado por duas bombas infusoras. O nutriente especial tem custo mensal de R$ 5 mil, que é coberto pelo plano de saúde da família. A mãe de Caliane diz que a filha foi vítima de um erro médico quando tinha três dias de vida. Diagnosticada com hérnia de hiato, a bebê passou por um procedimento cirúrgico que deu errado. Desde então, ela convive com as sequelas.
Na última terça-feira (26), Caliane passou por uma endoscopia para dilatar o esôfago. O resultado do exame surpreendeu a equipe médica e a família. “Os médicos, os enfermeiros, todo mundo vibrou com os avanços. Fiquei até meio passada, não conseguia comemorar, achava que era um sonho. Eu e a Cali não acreditávamos”, relatou a mãe.

Melhoras
Depois de realizar o procedimento, Caliane tomou um remédio protetor gástrico pela boca e no mesmo dia bebeu suco e comeu gelatina. Feliz, ela brincou com a fisioterapeuta, com os tios da mãe que vieram dos Estados Unidos para visitá-la no hospital e até usou uma tiara de coelho para comemorar a Páscoa com as enfermeiras.

“Às vezes ela fica muito quieta. Eu pergunto: Cali, você está acreditando no que está acontecendo? Ela responde: não mãe, eu não consigo. O que ela fala muito é dos sonhos de ter uma vida normal, poder passear com as amigas, ir à escola e ninguém ficar olhando para ela. Poder vestir um biquíni, além de não usar mais as bombas infusoras”, disse Gislaine.

A menina deve realizar outra endoscopia neste sábado (30). Apesar dos avanços, os médicos ainda não sabem definir quantas vezes mais ela precisará repetir o procedimento. Segundo a mãe, a expectativa é que a filha receba alta e possa voltar para casa no próximo mês.

“Não consigo explicar, mas ver ela bem é uma sensação de sonho realizado. Mesmo tendo passado momentos de sofrimento, como ficar longe da minha casa, do meu filho, parar a minha vida, me afastar do trabalho, valeu muito a pena. Ver ela comendo pela primeira vez é algo difícil de descrever. Foi uma sensação única, algo novo para mim, que esperei por 11 anos, busquei e consegui”, explicou Gislaine.

Com informações do G1

Marco Feliciano, o homem que desafia o País

Revista acusa PSC de trocar renúncia de pastor por cargos no governo



Nas últimas semanas, quase diariamente o pastor Marco Feliciano aparece na mídia por conta de seu papel como presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara.

Agora ele está na capa da revista semanal ISTOÉ que vai às bancas dia 30. A longa reportagem faz uma recapitulação dos fatos relacionados com a tentativa de fazer Feliciano renunciar. Algo, aliás, que ele já disse que não fará.

Segundo a publicação, o Partido Social Cristão (PSC), ao qual ele é filiado, está se valendo de um “ velho e surrado oportunismo político orientado por uma lógica eleitoral”. Ou seja, A legenda que tem apenas 16 deputados eleitos, passou a figurar na imprensa e chamar atenção.

Entrevistado pela ISTOÉ, o deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que é membro da bancada evangélica e comentarista político, faz as seguinte avaliação: “Ele não renunciará. Se ele renunciar, não se reelege nunca mais. Se ficar, se reelege com 1 milhão de votos sem sair de casa”.

O vice-presidente do PSC, pastor Everaldo Pereira, comemorou que “nunca antes o PSC tivera tamanha visibilidade” e afirmou aos repórteres: “Acho que agora vão nos convidar para o banquete!”. Ou seja, agora o governo reconheceria a importância do partido e receberia mais na divisão de cargos.

De fato, o pequeno partido é parte da base da presidenta Dilma Rousseff, mas não indicou nenhum ministro nem cargos para o primeiro e segundo escalões. O PSC acredita que conseguir para Dilma, os votos dos evangélicos, em especial depois das polêmicas declarações da então candidata sobre o aborto.

“Apoiamos a campanha e hoje somos um aliado fiel que não tem cargos. Somos maiores do que outros partidos mais consolidados, como PCdoB e PV. Mas que nunca teve direito a muita coisa”, declarou o pastor Pereira à revista ISTOÉ, que afirma que “o partido tem pregado seu fundamentalismo cristão e conservador nos corredores do Congresso e nas reuniões”.

Se politicamente Feliciano está visado, a revista entende que ele ganhou muito do ponto de vista pessoal. Além de atrair uma ala conservadora de potenciais eleitores não evangélicos, “o número de downloads de CDs e DVDs, como “Caçadores de Jumenta”, quase dobrou em março”.

Na próxima semana, o deputado Henrique Alves, presidente da Câmara, já anunciou que irá convocar Feliciano para uma reunião com a presença de todos os líderes de partido. Trata-se de mais uma tentativa de fazê-lo renunciar. Por outro lado, existe a ameaça de ele ser condenado pelo Conselho de Ética por “quebra de decoro”. Entre as acusações, estão denúncias publicadas na imprensa sobre as empresas que o deputado-pastor teria escondido da Justiça Eleitoral e os “pastores funcionários fantasmas” de seu gabinete, além dos processos por estelionato e homofobia que ele responde na Justiça.

Paralelo a isso, o deputado Arnaldo Jordy (PPS-PA), suplente na comissão de Direitos Humanos, anunciou que entrou com uma representação no Conselho de Ética contra Feliciano, “Após a intransigência do pastor e de seu partido, não há mais espaço para um acordo político que resolva a questão. Nós temos instrumentos para resolver o imbróglio. A situação é insustentável, a ponto do pastor mandar prender quem exerce o direito da livre manifestação. Passou do limite do admissível. Vamos ao Conselho de Ética e também pediremos renúncia coletiva dos membros da comissão”, explicou Jordy, que deverá contar com o apoio da maioria dos partidos na Câmara.

A resposta de Feliciano foi republicar nas redes sociais um link para um vídeo de três minutos, postado ano passado no Youtube, onde o deputado Arnaldo Jordy pressionando uma mulher a abortar o filho que seria dele. Identificada como Josy, ela se recusa a fazer um aborto e ainda cobra que Jordy apoie a gestação.


Gospel prime, com informações de ISTOÉ e Estado de São Paulo

quinta-feira, 28 de março de 2013

Pílula anticoncepcional mata 20 mulheres no ano

Quatorze das 20 mortes foram causadas por remédio lançado nas duas últimas décadas.



Vinte mulheres morrem por ano causa da pílula anticoncepcional, de acordo com Agência Nacional para a Segurança de Medicamentos e Produtos de Saúde da França, publicado no jornal britânico Daily Mail desta quarta-feira (27).

De acordo com o estudo, o contraceptivo está associado a doenças como a trombose ou coágulos de sangue. Ainda segundo a publicação, 14 das 20 mortes são causadas pela terceira ou quarta geração de pílulas — que foram lançadas nos últimos 20 anos.

Estas duas categoriais de medicamentos estão sendo investigados depois que uma jovem de 25 anos de idade ter entrado com uma ação alegando que o contraceptivo foi a causa de ela ter sofrido um AVC (acidente vascular cerebral).

Ainda de acordo com a agência, todas as pessoas estão suscetíveis a ter trombose, porém o risco é baixo. Segundo a agência, o risco aumenta com o passar dos anos, independentemente de se usar contraceptivo ou não.

FONTE: R7 / MN

quarta-feira, 27 de março de 2013

Fernanda Montenegro beija atriz na boca em protesto contra permanencia de Marco Feliciano

As duas mostraram que não apoiam o deputado no cargo

Foto divulgação

A atriz Fernanda Montenegro, 83, deu um beijo na boca da atriz Camila Amado, 77, em protesto contra a permanência do deputado e pastor Marco Feliciano (PSC-SP) no comando da da comissão de Direitos Humanos da Câmara.

As duas mostraram que não apoiam o deputado no cargo durante a 7ª edição do Prêmio APTR (Associação dos Produtores de Teatro do Rio), que aconteceu nessa segunda-feira (25).

No entanto, apesar das manifestações contrárias a sua permanência na Casa, Feliciano reafirmou, nesta quarta-feira (27), que não pretende deixar o posto. Ele também negou que esteja em meio a uma crise.

O deputado foi eleito neste mês para o comando da comissão e tem sido criticado por opiniões consideradas homofóbicas e racistas. Feliciano nega, mas confirma que tem posições comuns a evangélicos, como ser contra a união homossexual.

FONTE: Folha / MN

quinta-feira, 21 de março de 2013

Igreja paga curso de Teologia para Beira-Mar

Beira-mar condenado a 200 anos de prisão começou a cursar teologia.
Ele está preso na Penitenciária Federal de Catanduvas e estuda à distância.



Fernandinho Beira-Mar está preso em Catanduvas,
no PR (Foto: Tasso Marcelo/Estadão Conteúdo)

O administrador da Igreja Batista do Bacacheri, em Curitiba, Francisco Sales Gomes Neto, afirmou ao G1 que a instituição decidiu pagar a faculdade de teologia do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar por acreditar que qualquer pessoa pode ser transformada. “Nós cremos realmente em Deus e na restauração de qualquer ser humano”, disse.

Beira-Mar está preso na Penitenciária Federal de Catanduvas, no oeste do Paraná, desde 2012. Na terça-feira (12), ele foi condenado pela Justiça do Rio de Janeiro a mais 80 anos de prisão, por homicídio qualificado, chegando à soma de 200 anos com todas as penas. Um dia antes, começou o curso de teologia à distância, pela Faculdade Teológica Batista do Paraná, ligada à igreja que financia os estudos.

Gomes Neto explicou que o pedido para fazer o curso partiu do próprio Beira-Mar, por meio de um capelão que faz trabalhos sociais junto aos presos de Catanduvas. O pedido chegou à igreja, que, então, optou por pagar o curso ao traficante. Ele explica que a igreja promove uma série de trabalhos com pessoas em situação de risco, como prostitutas pessoas que têm problemas com as drogas. “Faz parte da nossa missão, dar o recurso para ele e qualquer outro fazer o curso”, completou .

'Dar a mão e ajudar'

“Com os presos, seguimos todos os passos necessários para deixar tudo certo. Vamos ao Ministério da Justiça, buscamos autorização quando é necessário. Nós queremos dar a mão e ajudar pessoas”, conta o administrador.” Francisco diz ainda que a igreja não quer se promover com a repercussão dos estudos de Beira-Mar.

Ainda de acordo com Gomes Neto, a igreja dá todo o apoio necessário a pessoas que pretendem buscar a palavra de Deus. "Não temos acepção de pessoas", garante.

Apesar de ter demonstrado o interesse de estudar teologia, Beira-Mar ainda não se converteu à Igreja Batista, segundo o administrador. “O que vai ser a vida dele, só ele vai decidir e Deus”, disse Gomes Neto, citando ainda uma passagem bíblica. “Ele tem que pagar por tudo aquilo que fez aqui”, afirma o administrador.

 Estudos

O diretor da instituição onde Beira-Mar fará o curso, Jaziel Guerreiro Martins, disse que como o traficante não pode acessar a internet, as apostilas semestrais serão enviadas até o presídio de Catanduvas. “Quando tiver aula presencial e na aplicação da prova, será feito um sorteio entre os professores da faculdade para eles irem até lá”, explicou. As disciplinas são divididas em eixos interdisciplinares - filosófico, histórico, social, metodológico, teológico, bíblico e sociopolítico.

De acordo com a instituição, para ser aprovado no vestibular Beira-Mar fez uma redação com base em uma reportagem sobre extremismos religiosos no Brasil e tirou 7,4. A mensalidade do curso pago pela igreja custa R$ 242 por mês. O Departamento de Execuções Penais (Depen) informou que a cada 12 horas de estudo, o preso tem direito à reduzir em um dia a pena, conforme a Lei n.º 12.433/2011. O tempo do curso é de 3.180 horas e será concluído em quatro anos.

Com informações do G1

Preso suspeito de sequestrar irmã do lutador Vitor Belfort

Leandro Ferreira Fernandes, conhecido como Periquito, estava foragido desde 2010.



Foto reprodução / Preso suspeito de sequestrar irmã do lutador Vitor Belfort


Um homem suspeito de participar do sequestro de Priscila Belfort, irmã do lutador Vitor Belfort, foi preso na última segunda-feira no Rio de Janeiro. Leandro Ferreira Fernandes, conhecido como Periquito, estava foragido desde 2010. Ele já havia sido preso em 2006 sob suspeita de participação no crime. Priscila Belfort desapareceu em janeiro de 2004, quando tinha 29 anos. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Em 2006, uma equipe da Divisão Anti-sequestro da Polícia Civil, prendeu Periquito no Morro da Providência, favela da região portuária do Rio, como suspeito pelo sequestro de Priscila. Ele foi investigado após depoimento de um empresário que também foi sequestrado e teria ouvido os suspeitos no cativeiro conversando sobre a suposta captura e assassinato de Priscila. Periquito ficou preso até 2010 por tráfico de drogas, quando obteve o benefício de visita periódica ao lar e não voltou ao presídio. A Justiça expediu contra ele mandados de prisão por tráfico de drogas, homicídios, sequestro e assaltos.

FONTE: Terra / MN

Grupo extremista islâmico faz novo atentado em bairro cristão e deixa 41 mortos

Autoridades da Nigéria informaram ontem sobre um atentado suicida em um bairro onde a maioria dos moradores é cristã. Um grupo extremista islâmico é acusado da violência contra os cristãos no país. Esse já não é o primeiro ato de violência em 2013. A Nigéria é um dos quinze países com mais perseguição ao Cristianismo no mundo.


Nigéria (Foto: Reuters)


Oficiais transportam corpo de vítimas depois de ataque a atendentes de uma igreja por um atirador em Kano.

Esse foi o ataque mais violento e que deixou mais mortes nos últimos nove meses no país. O grupo extremista islâmico Boko Haram, que significa ‘Educação ocidental é um pecado’, é acusado pelos ataques.Ataques do Boko Haram, somente em Kano, fizeram mais de 150 vítimas no ano passado.Segundo ‘O Estado de São Paulo’, pelo menos 41 pessoas morreram e mais de 40 ficaram feridas. O atentado suicida aconteceu no Estado de Kano, maior centro comercial local situado no norte da Nigéria.

A polícia informou que dois homens em um carro cheio de explosivos se dirigiram até um ponto de ônibus. O lugar estava cheio de passageiros que aguardavam para ir à cidade de Lagos quando o material foi detonado.

Em janeiro desse ano, 23 nigerianos foram mortos por militantes islâmicos. Ainda, atiradores islâmicos do Boko Haram mataram 18 cristãos no Estado de Borno. "Homens armados, suspeitos de serem membros do grupo islâmico Boko Haram, vieram ao mercado da cidade e mataram 13 caçadores da região, enquanto outras cinco pessoas morreram em consequência dos ferimentos no hospital", disse Alhaji Abba Ahmed a Portas Abertas.

No fim de 2012, dois ataques contra cristãos também foram registrados na Nigéria. No domingo, 30 de dezembro, quinze cristãos morreram quando homens armados invadiram um culto. O incidente ocorreu na aldeia de Kyachi, cidade de Chibok, localizada no nordeste nigeriano. No dia anterior, quinze cristãos já tinham sido assassinados em outro atentado. Atiradores invadiram casas e atiraram enquanto as vítimas dormiam.

"Sem dúvida alguma, as vítimas foram selecionadas porque eram todas cristãs, algumas das quais haviam se mudado para o bairro vindas de outras partes da cidade, atingidas por ataques do Boko Haram”, disse um oficial que prestou socorro às famílias.

Fonte: Christian Post

segunda-feira, 11 de março de 2013

Sucuri gigante de aproximadamente 10 metros é fotografada em rio na fronteira do Acre com a Bolívia. Confira também... VÍDEO ANIMAL - Sucuri no Rio Preto em Rondonia de barriga cheia tenta atacar o barco dos pescadores; veja!

(Foto: Samuel Dominguez/Arquivo pessoal) - G1

Uma cobra Sucurujuba (a popular sucuri), medindo aproximadamente 10 metros, foi fotografada no último sábado (2) por um caçador no momento em que se movimentava pelo leito do rio Abunã, na fronteira do Brasil com a Bolívia, na região do município de Acrelândia, situado a 111 km de Rio Branco, capital do Acre.
Fonte: G1


VÍDEO ANIMAL - Cobra Sucuri no Rio Preto em Rondonia de barriga cheia tenta atacar o barco dos pescadores; veja!

domingo, 10 de março de 2013

Tentei de tudo para salvar o Chorão, revela ex-mulher Graziela

Aos 41 anos, Graziela conta que tinha se separado do cantor há seis meses




Graziela Gonçalves, estilista e ex-mulher de Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr, que foi encontrado morto nesta semana em seu apartamento em São Paulo, contou detalhes da vida do cantor e de seu relacionamento com ele a revista IstoÉ.

Aos 41 anos, Graziela conta que tinha se separado do cantor há seis meses. Sônia Abrão, prima do músico, chegou a afirmar que Chorão passava por um momento de instabilidade emocional devido à separação. Eles ficaram juntos durante 15 anos.

À publicação, a estilista disse que um dos motivos que pesou para o início do momento de depressão vivido pelo cantor foi a separação da banda, em 2005, ano em que a formação original começou a ser desfeita.

Ela ainda explicou que os dois não se separaram definitivamente, pois não houve pedido de divórcio, e muito menos deixaram de falar um com o outro. O problema foram as brigas ocorridas em decorrência da dependência química. "Tentei de tudo para salvar o Chorão", disse.

Graziela ainda revelou que o cantor vinha usando drogas há quatro anos e há um ano e meio, compulsivamente, e que a família já pensava em uma internação involuntária. Depois de uma tentativa frustrada, ela resolveu se afastar do marido.

— Faz quatro anos que ele voltou a cheirar. E de um ano e meio para cá ele passou a usar cocaína com mais intensidade. Achei que a separação seria a última tentativa para ele cair na real e ver que, se quisesse ficar comigo, deveria parar de usar.

FONTE: r7 / MN

sábado, 9 de março de 2013

Governo de Israel afirma que turistas brasileiros são "armas" para a política do país


A peregrinação de cristãos evangélicos do Brasil de outros países do hemisfério sul a Israel tem sido visto pelo governo do país não somente turismo, mas como uma arma política para defender territórios que são pleiteados por palestinos.
As caravanas por cidades onde Jesus passou, como Jerusalém, atraem turistas que podem ser usadas como forma de conquistar apoio dos países de maioria cristã na disputa pelos territórios.

O prefeito de Jerusalém, Nir Barkat disse em um encontro com turistas, cristãos, que “eles são o melhor ataque e defesa que ele poderia ter”, “Aproveitem a cidade de Jerusalém, e voltem para casa como embaixadores fortes do Estado de Israel e da cidade de Jerusalém”, pediu o político aos turistas.

Os governos tem buscado mais alternativas em sua defesa depois das disputas por territórios e a luta da Autoridade Palestina para que o povo e sua organização sejam reconhecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) com um estado.

O interesse do governo israelense é conquistar o apoio de países como o Brasil e a Nigéria que tradicionalmente não apoiam a postura de Israel no embate contra os palestinos.

“Há uma nova dinâmica local se formando em nosso mundo, onde partidários cristãos estão crescendo de forma dramática, e que estão de pé com a nação de Israel como nunca antes”, disse Jürgen Bühler, diretor-executivo da Embaixada Cristã Internacional de Jerusalém.

Segundo Bühler, a movimentação política do governo israelense “simboliza, encapsula, este movimento dinâmico que está ocorrendo, para que uma nova geração do cristianismo escolham ficar com a nação de Israel, não importa o que aconteça.

O guarda de israel, com informações de O verbo

sexta-feira, 8 de março de 2013

Muçulmano, presidente do Irã Mahmoud Ahmadinejad afirma que Hugo Chávez ressuscitará com Jesus Cristo para trazer paz e justiça



A morte provoca reações das mais inusitadas naqueles que perdem amigos e/ou parentes. E uma declaração do presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, deverá entrar para a galeria das frases marcantes de 2013.

Comentando a morte do presidente reeleito da Venezuela, Hugo Chávez, Ahmadinejad disse que acredita que seu amigo voltará no dia da ressurreição com Jesus Cristo para “estabelecer paz, justiça e bondade” entre as pessoas.

A declaração foi dada na quarta-feira, durante um comunicado que estabelecia um dia de luto oficial no Irã. Chávez e Ahmadinejad eram aliados políticos internacionais e tinham em comum, além dos interesses comerciais, uma forte oposição aos Estados Unidos.

Na fala de Ahmadinejad, traduzida pelo Huffington Post, o presidente iraniano diz que o político venezuelano unia os demais líderes políticos internacionais que pensavam de forma parecida com ele.

“Venezuela perdeu um filho corajoso, e o mundo perdeu um líder sábio e revolucionário. Ele tomou uma posição firme contra as exigências de opressores e derrubou as todas as suas tentativas para gerar propaganda de discórdia. Ele era uma ponte que ligava todos os líderes que buscam justiça no mundo. Ele finalmente deu toda a sua vida mesmo estando com uma doença suspeita, e com isso, ele se torna, sem dúvida, um verdadeiro mártir no caminho de servir a nação venezuelana e salvaguardar os valores revolucionários e humanos. Embora Hugo Chávez, não esteja mais entre nós, hoje, tenho certeza de que o seu espírito inocente subiu aos céus e um dia voltará para nós com Jesus Cristo, e irá mais uma vez ajudar a humanidade a estabelecer a paz, justiça e bondade”, declarou Mahmoud Ahmadinejad.

Ahmadinejad é muçulmano e um dos ferrenhos defensores do regime teocrático no Irã, que persegue cristãos, como nos casos dos pastores Yousef Nardarkhani e Saeed Abedini, e condena à morte homossexuais. A inusitada declaração do presidente iraniano traz ainda mais holofotes para as despedidas de Hugo Chávez.

Com informações do Gospel+

Silas Malafaia no Pânico na Band; assista




quinta-feira, 7 de março de 2013

Marcelo Tas, do CQC, chama pastor Marco Feliciano de “racista e homofóbico” e cria abaixo assinado para retirá-lo da Comissão de Direitos Humanos; Pastor sofre ameaça de morte

 

Na última sexta feira (01), o apresentador do programa CQC, Marcelo Tas, comentou a provável indicação do pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) à presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias no Congresso Nacional, classificando o deputado como “racista e homofóbico”.

Tas citou em um texto em seu blog a indignação do deputado federal e ativista gay Jean Wyllys (PSOL-SP) ao caso, ressaltando a indignação de Wyllys com a indicação, e afirmou acreditar que Feliciano não é equilibrado o bastante para assumir o cargo.

- Uma figura mercurial e fundamentalista como Feliciano, para dizer o mínimo sobre o estilo bufão, assertivo e arrogante do deputado pastor, certamente não conduzirá a Comissão de Direitos Humanos e Minorias a um bom debate. – afirmou Tas.

- Ele é um legítimo representante de brasileiros que o elegeram deputado. Apenas não creio que ele seja uma pessoa equilibrada o bastante para presidir a Comissão. Por isso, estou assinando a petição que pede a imediata destituição do deputado Marco Feliciano da Comissão de Direitos Humanos e Minorias na Câmara dos Deputados – disse ainda o apresentador, para divulgar um abaixo assinado que tem como objetivo retirar Feliciano da Comissão. Segundo Tas a petição contra o evangélico seria um ato “contra o racismo, o preconceito e a favor do respeito de todas as minorias”.

A campanha contra Marco Feliciano, que até o fechamento dessa matéria tinha mais de 40.400 assinaturas, está sendo feita através do site Avaaz, que recentemente foi motivo de polêmica por remover abaixo assinado a favor do pastor Silas Malafaia.

Em oposição à campanha contra sua presença na Comissão de Direitos Humanos, Marco Feliciano também lançou uma campanha a seu favor, com o objetivo de angariar apoio de pessoas que são a favor de sua presença na Comissão. Lançada inicialmente no Avaaz, onde conquistou mais de 2.300 assinaturas, o abaixo assinado a favor de Feliciano está sendo feito através do site oficial do deputado, e até o fechamento dessa matéria já contava com mais de 17.700 apoiadores.

Marco Feliciano está divulgando o abaixo-assinado através do Twitter, onde também divulgou que vem sofrendo ameaças de morte por causa de sua indicação ao cargo da Comissão. De acordo com o deputado, ele vem recebendo ameaças contra sua vida por ativistas, que não concordam com suas posições políticas.

- Que Deus ilumine seu caminho e te leve logo para o Céu com uma bala no meio de sua cabeça – dizia uma das mensagens enviadas ao pastor pela rede social.


O guarda de israel, com informações do  Gospel+

quarta-feira, 6 de março de 2013

Bruno confirma morte de Eliza e culpa Macarrão

De acordo com a versão de Bruno, a morte de Eliza ocorreu na sexta-feira, 11 de junho de 2010 





Durante interrogatório ao Tribunal do Júri de Contagem, o goleiro Bruno Fernandes disse que Luiz Henrique Romão, o Macarrão, a quem ele culpou pela morte de Eliza Samudio, lhe confidenciou que o homem contratado para matar a modelo foi Marcos Aparecido dos Santos, o Bola.
Segundo Bruno, depois que o desaparecimento de Eliza veio à tona, Macarrão confirmou os acontecimentos envolveram a morte da modelo. "Depois dos fatos, Macarrão me contou que havia contratado o Marcos Aparecido, o "Neném", e ele aceitou", disse Bruno.
Bruno afirmou que ficou sabendo "através da imprensa" que era Bola e que ele "tinha vários apelidos".
Em seu depoimento, Bruno culpou Macarrão pela morte de Eliza e que, logo após o crime, foi Jorge Luiz Rosa quem lhe contou como Eliza foi morta. "Jorge falou comigo que o Macarrão foi até próximo ao estádio Mineirão, foi ao orelhão, e falou com uma pessoa que não sabe quem era."
Em novembro, Macarrão, 27, ,amigo de infância e ex-braço-direito do goleiro Bruno Souza, foi condenado pelo Tribunal do Júri de Contagem (região metropolitana de Belo Horizonte), a 15 anos pelo sequestro, cárcere privado e morte da modelo Eliza Samudio, ex-amante do atleta, além do sequestro e cárcere de seu filho Bruninho. Ele foi inocentado da acusação de ocultação do cadáver.
Bruno disse que Jorge e Macarrão começaram a seguir um homem em uma moto até a cidade de Vespasiano (MG). O goleiro descreveu como Eliza teria sido morta, mas não citou quem seria o autor do homicídio.
"O Macarrão chutou as pernas da Eliza. Isso foi o que o Jorge me falou. Ele ainda me falou que a pessoa esquartejou o corpo dela e tinha dado para os cachorros comerem", afirmou o goleiro.
De acordo com a versão de Bruno, a morte de Eliza ocorreu na sexta-feira, 11 de junho de 2010 ---a polícia diz que Eliza morreu em 10 de junho.
Bruno, chorando muito durante o depoimento, afirmou que Eliza lhe disse que "iria para um ponto de táxi" porque tinha de ir para a capital paulista. "Ela disse que precisava de dinheiro para resolver problemas pessoais em São Paulo. Até então eu acreditava que seria aquilo ali."
Na mesma noite do dia 11, entre 22h e 23h, segundo Bruno, retornaram Macarrão, Jorge e o filho dele com Eliza. "Desceram do carro o Jorge, muito assustado, e o Macarrão um pouco mais tranquilo que o Jorge, mas também assustado", disse Bruno.
"Estranhei que a criança estava na mão dele, chorando, e perguntei a ele: "Poxa, cadê a Eliza? Pelo amor de Deus, o que vocês fizeram com ela?", disse Bruno em seu depoimento.
De acordo com Bruno, nesse momento Macarrão disse a ele. "Resolvi o problema que tanto te atormentava". "O Jorge me disse que o Macarrão ajudou a matar Eliza. Nesse momento eu fiquei desesperado, chorei muito. Eu disse: "Macarrão, o que você fez? Não tinha necessidade". Ele falou que tinha resolvido o problema", disse Bruno, chorando muito.
Bruno afirmou que Macarrão não contou a ele como Eliza teria sido morta e quem descreveu como ocorreu o crime foi o primo. "Jorge falou comigo que o Macarrão foi até próximo ao estádio Mineirão, foi ao orelhão, e falou com uma pessoa que não sabe quem era."
FONTE: UOL / MN

terça-feira, 5 de março de 2013

Perlla diz ter sofrido preconceito por cantar gospel

Cantora lançou novo CD e revela preconceito sofrido




Perla Fernandes dos Santos Castilhol, mais conhecida como Perlla nasceu em uma família evangélica e começou a cantar aos quatro anos no coral de sua igreja. Durante a infância, ajudou no sustento da família coletando sucatas para vender, vendendo balas e sorvetes na praia.

Depois de anos cantando funk, em 2012 ela abandonou a vida de funkeira, voltou para a igreja e fechou um contrato com a gravadora Central Gospel. Seu novo disco, A Minha Vida Mudou, tem uma sonoridade totalmente pop. Atualmente pertence à Igreja Assembleia de Deus e tem dado seu testemunho e pregado em muitas igrejas.

Aos 24 anos, ele está casada, é mãe de Pérola (11 meses) e grávida de 6 meses de Pietra. No primeiro momento pensou que ia virar dona de casa, mas não conseguiu ficar longe do microfone.

“O funk não é pecado, errado é o uso que fazem dele. Temos vários funkeiros gospel, mas escolhi o pop. Eu não gostava de funk. Foi uma oportunidade que tive na época”, explica.

Mas muitas pessoas não aceitaram sua mudança de estilo, inclusive seu pai. “Não só ele, mas muitas pessoas da minha família e amigos me deixaram desanimada, pois achei que tivesse apoio e não tive. Me chamavam de maluca. Tive que explicar isso para as pessoas e elas não aceitavam”.

Ela está convicta que tomou a melhor decisão, declarando “de render glórias a Jesus e testemunhar do seu amor por ele”.

Com informações Extra e Yahoo / Gospel Prime

Lista das 10 postagens mais populares desde à criação do Blog

Pegue uma Bíblia e descubra Como ir para o Céu

O plano de Deus para a sua salvação

Primeiro você precisa saber:

1) Boas obras não salvam (Efésios 2:8,9 / João 14:6 / Tito 3:4-7)

2) Todos pecaram inclusive você (Rom 3:23)

3) E por isso todos estão indo para a morte eterna (o Inferno) (Rom 6:23)

4) Mas Deus nos amou tanto que enviou Jesus Cristo para nos salvar (João 3:16 / João 14:6 / Romanos 5:8 / Lucas 5:32)

E assim se você...

1) ... se arrepender e confessar que é pecador, (2 Cor 7:10 / 1 Jo 1:9)

2) ... crer que Jesus é o Filho de Deus (Rom 10:9)

3) ... e pedir a Ele: “Jesus me perdoa, me salva! (Rom 10:13 / Lucas 23:33-43)

Então você será salvo!

1) Todos os seus pecados serão perdoados e lavados pelo sangue de Jesus (I João 1:7 / Marcos 1:40-42)

2) Você terá vida eterna no céu com Deus (João 3:16 / João 14:2-6)

3) A salvação não se perde jamais (João 10:27-30)

“Eis aqui agora o dia da salvação” (2 Cor 6:2)

Ninguém sabe quanto tempo vai viver, não adie a maior decisão que você tem a tomar na vida. Converse com Deus em uma oração simples, se arrependa, confesse, creia e clame “Jesus me perdoa, me salva, me lava, me transforma!” E assim você poderá ter absoluta certeza da salvação.

Fonte: Editora Elim – www.editoraelim.com.br – (21) 2415-7923

FOLHETO: ESTA FOI A SUA VIDA!

VOCÊ TEM UM TEMPINHO PARA VER?

PAÍSES QUE PASSARAM POR AQUI: QUASE 160

free counters