PARCERIA MEUSLINKS

Siga Também no Google+

Gostou do blog? Então Participe!

Top 5 Postagens Mais Populares da Última Semana

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Mais De 100 Mil Cristãos Foram Mortos Em 2012 Por Causa Da Sua Fé

Mais de 100 mil cristãos foram mortos em 2012 por causa da sua fé
Mais de 100 mil cristãos foram mortos em 2012 por causa da sua fé. – Segundo o Observatório da Liberdade Religiosa com sede na Itália, revelou dados que mais de 105 mil cristãos morreram pela sua fé em 2012.

O sociólogo e coordenador do observatório, Massimo Introvigne, fala em “proporções espantosas” e diz que são muitas as zonas de risco.

“Podemos identificar três zonas principais: Os países onde o fundamentalismo islâmico é mais forte, como a Nigéria, Somália, Mali, Paquistão e algumas zonas do Egito; os regimes totalitários comunistas, encabeçados pela Coreia do Norte, e aqueles onde existem nacionalismos étnicos, como o Estado de Orissa, na Índia”, afirmou, em entrevista à Rádio Vaticano.

Nalguns destes locais a prática religiosa cristã é expressamente proibida, noutras até as mais ténues demonstrações de fé acarretam riscos.

“Em muitos destes países ir à missa ou à catequese – na Nigéria houve uma matança de crianças que estavam na catequese – transformou-se em algo perigoso”, destaca Introvigne.

O ano que passou ficou marcado, para além das mortes, pelo caso de Rimsha Masih, menina cristã paquistanesa acusada de blasfémia por ter alegadamente queimado páginas do Corão, que viria a ser ilibada e libertada apesar das ameaças dos fundamentalistas islâmicos.

Informações Ecclesia / Amigo de Cristo

domingo, 30 de dezembro de 2012

Fim dos Tempos - Idosa namora o próprio neto e terá um filho com ele



Pearl Carter, de 72 anos, namora Phil Bailey, de 26, até aí mais um caso de namorados com grande diferença de idade, né? na verdade não, a diferença grande aí reside no fato de Pearl ser avó de Phil! Os dois estão juntos e estão usando uma barriga de aluguel para ter um filho.

A inseminação custará o equivalente a cerca de 97 mil reais. A mãe de aluguel se chama Roxane, de 30 anos, que diz ter ficado fascinada com a história do casal que corre risco de prisão por incesto. A americana, que vive em Indiana conheceu o neto quando tinha 64 anos.

Phil é filho de Lynette Bailey, que Pearl deixara para adoção quando tinha 18 anos. Lynette criou o filho como mãe solteira, quando tomou conhecimento da morte da filha, vítima de câncer no cérebro quando Phil tinha 18 anos, a avó foi atrás do neto.

Ao achá-lo, ela passou a desenvolver uma estranha relação com Phil. “Quando ele me mandou uma foto por email, pensei que homem bonito e sexy ele é, antes de me beliscar: ele era o meu neto!”.

Quando se viram pela primeira vez, foi amor à primeira vista. Pearl contou que o momento a fez se sentir sexualmente ativa após muitos anos. “Estou apaixonada por Phil e ele por mim. Logo teremos uma criança e estou certa de que Phil será um excelente pai”, afirmou a idosa à revista “New Idea”. Phil dá de ombros quando perguntado sobre a inusitada relação dizendo que: “Sempre fui atraído por mulheres mais velhas”.

Fonte: The Sun / Crato Notícias

Idosa ‘morre’ e ‘ressuscita’ duas vezes em um ano na Rússia



A russa Hardy Lyudmila Steblitskaya, de 61 anos, “ressuscitou” duas vezes em menos de um ano. A idosa foi declarada morta pela primeira vez em novembro de 2011, e em outubro deste ano foi trazida de volta à vida por uma equipe médica.

No ano passado, Steblitskaya foi levada a um hospital de Tomsk, cidade da Sibéria, sentindo-se mal. Quando foi lá para ter notícias da mãe, a filha Anastasia foi informada pelos médicos de que ela havia falecido.

A idosa chegou a passar três dias em um necrotério, sua família gastou o equivalente a mais de R$ 4 mil na organização de enterro e funeral e, quando Anastasia foi recolher o corpo, foi avisada por um médico muito assustado que sua mãe não estava morta, mas sim na cama, respirando normalmente. Sem acreditar, a jovem de 29 anos foi até o quarto, onde encontrou Steblitskaya chamando o seu nome.


Lyudmila Steblitskaya (centro), com a filha Anastasia e neta Nelli Foto: Reprodução


Com histórico de problemas cardíacos, a idosa assustou a todos com mais uma “morte” neste ano, durante uma internação no hospital, mas desta vez foi trazida de volta à vida por médicos.

O diretor do hospital onde a russa passou três dias no necrotério, não sabe explicar o motivo de Steblitskaya ter sido declarada morta. Um porta-voz do hospital disse que o caso está sendo investigado e os médicos ainda estão tentando entender o que aconteceu.


O guarda de israel, com informações do:  http://extra.globo.com

sábado, 29 de dezembro de 2012

"José Do Egito" a Nova Série Bíblica Da Rede Record Vai Bater De Frente Com a Novela Da Rede Globo “Salve Jorge”


Depois de fazer campanha contra “Salve Jorge” e reprisar a série “Rei Davi” no mesmo horário, a Rede Record inicia uma nova batalha contra a Globo dia 30 de janeiro.

Esta é a data escolhida para a estreia de sua nova minissérie bíblica. Será numa quarta-feira, às 21h30, a exibição do primeiro episódio de “José do Egito”. A Record entende que as mesmo reprises de outras produções similares se destacaram neste horário, chegando a marcar 7 pontos. Portanto, uma nova produção pode aumentar esse número e o fato de ”Salve Jorge” estar com baixa audiência também anima a emissora ligada à IURD.

Serão ao todo 26 capítulos, numa produção com roteiro de Vívian de Oliveira, a mesma autora de A História de Ester (2009) e Rei Davi (2012). Será dirigida por Alexandre Avancini e no elenco, estão nomes de ex-globais como Ângelo Paes Leme, Bianca Rinaldi, Milla Chrystie, Larissa Maciel e Leonardo Vieira.

Segundo o portal IG, a emissora decidiu inclusive trocar o título. A produção se chamará “José do Egito” e não “José – De Escravo a Governador”, como foi divulgado até agora.

Enquanto isso, a equipe de produção continua gravando cenas no deserto de Atacama, no Chile. Segundo o jornal O Globo, 15 das 86 pessoas envolvidas na minissérie passaram mal por causa da altitude do local.

Um ator chegou a ser levado ao pronto-socorro da capital Santiago, depois de pegar uma pneumonia. Todos eles precisaram tomar soro fisiológico e usar protetor solar fator 70. Mas isso não deverá afetar a estréia já que grande parte do material já está editado.

Fonte: Gospel Prime / VGV

Nota de Falecimento - Pr. João Kolenda Lemos - Fundador do IBAD


Faleceu Pr. JOÃO KOLENDA LEMOS fundador do IBAD


É com imenso pesar que comunicamos a promoção às mansões celestiais do amado Pastor JOÃO KOLENDA LEMOS, Fundador e Diretor Presidente do IBAD - Instituto Bíblico das Assembleias de Deus em Pindamonhagaba - SP.

Na condição de Vice Presidente Executivo da COMADESPE, registro que tratava-se de Ícone para nossa convenção e porque não dizer para todo o Brasil, figurava também entre os membros fundadores da instituição.

Em 23.10.2009, este blog publicou o falecimento da sua esposa, Missionária Rute Dóris Lemos - veja aqui, também fundadora do IBAD.

À família enlutada e à toda comunidade Ibadiana ao redor do mundo, registramos nossos sentimentos e os votos de que o Espírito Santo os console.

Seu filho, Pr. Mark Lemos, Diretor do IBAD postou no site da instituição e em seu Twitter @Marklemos, conforme transcrevemos abaixo:


NOTA DE FALECIMENTO
Posted on 28/12/2012 by ibad
É com um sentimento de profundo pesar, que noticiamos o falecimento do Pr. João Kolenda Lemos, ocorrido no dia de hoje (28/12/2012) às, 15:05 h. em Pindamonhangaba/SP.
Pr. Kolenda foi o Fundador do IBAD – Instituto Bíblico das Assembleias de Deus, e pioneiro na area de Educação Teológica das Assembleias de Deus no Brasil.
Ele deixa 3 filhos, nora, genros, 8 netos, 3 bisnetos e milhares de ex-alunos que foram mentoreados por ele durante seus 71 anos de ministério pastoral.
Seu corpo estará sendo velado na capela do IBAD (amanhã - sábado - 29.12.2012), à partir das 09:00 h., culto de celebração pela vida do Pastor Kolenda às 14:00 h. e seu sepultamento será no Cemitério Municipal de Pindamonhangaba - SP às 16:00 h.
"Preciosa é à vista do Senhor a morte dos seus santos"

Com informações do:  Espaço koinonia

Biblioteca Virtual sobre Tráfico Humano

Dentro de nossa visão de denunciar e promover a informação e discussão pública sobre o Tráfico de Pessoas, um dos crimes mais negligenciados pelos governos e órgãos competentes, no Brasil e no mundo, criamos no site Scribd uma pasta reunindo materiais gratuitos (livros, relatórios, estudos, etc.) sobre o tema do Tráfico Humano. Reunimos materiais em três línguas: português, espanhol e inglês. Você pode fazer o download dos documentos, ou lê-los online.

Acesse a Biblioteca Tráfico Humano: http://pt.scribd.com/collections/3928801/Biblioteca-Trafico-Humano


Com informações do: Cidadania Evangélica

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Jornalista denuncia: Brasil tem o maior escândalo de direitos humanos do mundo

Após produzir documentário ganhador de prêmio na TV, repórter e escritor retorna ao Brasil em defesa da vida dos índios de tribos isoladas.


O jornalista australiano Paul Raffaele presente na audiência pública na Comissão de Direitos Humanos no dia 29 de novembro, na quinta-feira. Ele manifestou repúdio com o que chama de tolerância do governo brasileiro à prática do infanticídio em tribos isoladas.
Por duas semanas o jornalista e escritor premiado esteve no sudoeste da Amazônia gravando documentário para uma TV da Austrália. Conheceu de perto os índios da etnia Suruwahá, uma tribo que a exemplo de outras, também pratica o assassinato de recém-nascidos.
Há 50 anos Raffaele visita tribos isoladas em dezenas de países, mas enfatiza que ainda não havia se deparado com nada parecido com o que encontrou no Brasil. Ele discorda da política da FUNAI – Fundação Nacional de Assistência ao Índio - e do governo brasileiro em manter as tribos indígenas isoladas da civilização. Dessa forma, ele entende que o Brasil concorda e aprova essa, que é uma das piores violações dos direitos humanos do mundo.
Paul também aponta que a FUNAI e governantes negam que exista infanticídio nos dias de hoje; informação que ele contesta com veemência, uma vez que testemunhou esse costume sendo aceito, incentivado e praticado especialmente entre os Suruwahá.
O senador Magno Malta, quem requereu a audiência, apóia o princípio que a cultura é sempre menor que a vida, e que toda defesa à mote é injustificável.
Membros do ministério público, do Conselho Nacional de Justiça e parlamentares vendo a grandeza e gravidade do assunto afirmaram que, debates irão acontecer dentro de seus respectivos órgãos, para o desenvolvimento de projetos e politicas que possam levar cidadania a tribos indígenas isoladas.
Nós da redação lembramos que artigos publicados na internet e revistas impressas fizeram, tempos atrás declarações difamatórias e desqualificativas do trabalho da JOCUM, chegando até mesmo a classificar a presença nas tribos indígenas dos missionários de “nefasta”. E ainda, o absurdo de associar o infanticídio entre os Suruwahá e a missão JOCUM, conhecida e respeitada há décadas no Brasil e internacionalmente por seus esforços voluntários na esfera da evangelização urbana e transcultural. É sabido que a prática em abandonar na floresta, enterrar vivas ou envenenar as crianças nascidas deficientes, gêmeas e mesmo filhas de mães solteiras, faz parte da tradição cultural não só da tribo Suruwahá, mas de várias outras etnias.
A JOCUM esteve entre os índios justamente pra combater essa violação, mas acabou sendo proibida de atuar sob a alegação de interferência cultural indevida. Os mesmos veículos de notícia, tempo após a verdadeira expulsão dos missionários divulgaram tendenciosamente que com a saída da JOCUM (Jovens com Uma Missão), suicídio e mortes haviam cessado. Para quem conhece o trabalho desta missão e o contexto real da atuação da FUNAI na causa indígena, sabe que só pode existir interesses políticos por esse desserviço. Paul Raffaele, ouvido com exclusividade por nossa reportagem declarou que, “os índios gostam e pedem a volta dos missionários, para que ouçam mais sobre o amor de Deus e o evangelho, mas os funcionários da FUNAI, dizem que não, que eles (missionários) devem sair. Paul concluiu perguntando: -” Afinal, quem são os verdadeiros caciques; os índios ou funcionários da FUNAI?

Confira no vídeo abaixo a declaração completa de Raffaele.


Aiatolá defende que todas as mulheres cristãs podem ser estupradas

Líder muçulmano defendeu que cristãos do Iraque devem se converter ou morrerão

Ahmad Al Baghdadi Al Hassani é um grande aiatolá do ramo muçulmano xiita nascido no Iraque. Ele tem um histórico de confrontos com outros aiatolás importantes e atualmente está ligado a uma facção síria.
Recentemente um vídeo onde Al Hassani declara que os cristãos são politeístas e amigos dos sionistas, causou revolta das comunidades cristãs no Oriente Médio.
Durante uma entrevista ao Al Baghdadia, um canal de TVegípcio, Al Hassanim, conhecido defensor da jihad [guerra santa], assegurou que os cristãos do país precisam escolher “o Islã ou a morte”. Ao mesmo tempo, disse que suas mulheres e filhas podiam ser consideradas legitimamente como “esposas de muçulmanos”.
Essa é uma maneira indireta de dizer que toda a mulher cristã  pode ser capturada e estuprada, mesmo que já seja casada, pois para os extremistas do Islã, as mulheres mantidas em cativeiro podem ser estupradas por seus captores.
O Al Baghdadi é um dos veículos de mídia mais radicais da jihad islâmica. Durante sua fala, Al Hassanim deixou claro que é uma questão de tempo até que a minoria cristã no Iraque seja convertida ou exterminada. Na véspera do Natal deste ano ele emitiu uma fatwa [ordem sagrada] contra os cristãos do país justamente quando a catedral de Bagdá foi reaberta ao público.  

Com informações de Front Page Magazine / Gospel Prime


terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Justiça proíbe Record de reprisar entrevista de Guilherme de Pádua detalhando assassinato de Daniella

A rede Record foi recentemente proibida de reprisar a reportagem em que Guilherme de Pádua, assassino confesso de Daniella Perez, conta detalhes do crime.

(Foto: Divulgação/Revista Comunhão)
Ex-ator Guilherme de Pádua.
Glória Perez que expressou sua revolta com a matéria em comentários ofensivos a Guilherme em rede social, também entrou na justiça pedindo a proibição da reapresentação da entrevista apresentada no programa 'Domingo Espetacular' no início deste mês.

A medida foi tomada pela 12ª Vara Cível do Rio, que também proibiu a exibição, sem autorização prévia, de imagens da atriz e de sua mãe, Glória Perez. O jornal 'O Globo' divulgou uma matéria informando que, caso a emissora descumpra a ordem, terá que pagar uma multa de R$ 500 mil por exibição.

"Não posso permitir que o assassinato de Daniella seja usado para gerar lucros para seu assassino e quem lhe cede o palco, para que ele conte 'versões', como se já não tivesse sido julgado e condenado. Minha filha está morta, mas a mãe dela está aqui. Só peço paz e respeito", afirmou Glória, através de seu site pessoal.

Durante a entrevista que revoltou Glória Prez, Guilherme que atualmente se declara evangélico, membro da igreja Batista da Lagoinha, chegou a pedir perdão a autora e culpou-se inteiramente pela morte de Daniella Perez.

"Eu pediria só perdão. Não tenho como fazer nada por ela, não tenho esse poder. Eu sou a pessoa que fiz mal a ela”, disse o ex-ator.

Com informações do The Christian Post

Igrejas Protestantes são fechadas pela nova lei religiosa no Cazaquistão

Igrejas protestantes estão entre as mais afetadas



Mais da metade dos, oficialmente reconhecidos, grupos religiosos do Cazaquistão têm visto as suas congregações serem fechadas após um longo processo de recadastramento exigido por uma nova e controversa lei religiosa. As igrejas protestantes estão entre as mais afetadas.

O prazo para o recadastramento era 25 de outubro, desde então os tribunais do país têm imposto o fechamento de igrejas. Para se enquadrar no registro exigido sob a nova lei, que entrou em vigor em outubro de 2011, um grupo deve ter no mínimo cinco mil membros à nível nacional, 500 regional e 50 à nível local, o que torna impossível aos pequenos grupos obter a aprovação do estado.

Muitos grupos se queixaram de que o processo de recadastramento foi "complexo", "pesado", "arbitrário", "desnecessário" e "caro".

Sob as novas e rígidas diretrizes, 60% das 46 religiões previamente reconhecidas do Cazaquistão tiveram seus registros cancelados, restando apenas 17. E cerca de um terço de todas as organizações baseadas na fé cívica, também estão enfrentando o corte.

A lei favorece as "religiões tradicionais" do país, que incluem o islamismo, cristianismo ortodoxo, o catolicismo romano, judaísmo e budismo. Mas as autoridades suspeitam de certos grupos protestantes (Evangélicos), que eles classificam como "não-tradicionais".

Entre as igrejas que foram fechadas está a Igreja Pentecostal Luz do Mundo. Ela foi acusada de fornecer "informações falsas" em seus documentos de cadastramento, nos quais dizia que um de seus membros-fundadores morrera, mesmo que o fato tenha ocorrido depois que a documentação fora entregue às autoridades.

O pastor da igreja, Pavel Semlyanskikh, disse que as autoridades tinham usado várias desculpas para não conceder um novo registro à Igreja Pentecostal Luz do Mundo e havia exigido que fizesse alterações em seus documentos. Ele disse que a morte de um dos signatários "não pode ser uma boa desculpa por parte das autoridades, uma vez que a igreja tem no documento nomes de 54 fundadores contra os oficialmente exigidos 50 nomes".

Embora a igreja tenha removido o nome do líder falecido e reapresentado em 24 de outubro um novo documento, o chefe do Departamento Regional de Justiça disse que a Igreja Pentecostal Luz do Mundo não fez as correções à tempo, apesar de o prazo ser 25 de outubro.

O Pastor Semlyanskikh disse que as autoridades "só queriam, o quanto antes, nos despojar de nosso registro sob qualquer pretexto".

Algumas igrejas protestantes dizem que têm sido "enganados" ou "obrigados" a concordar com o fechamento no tribunal sob promessas de que serão autorizados a funcionar como filiais de outros grupos registrados, ou solicitar o registro como novas organizações. Mas os pedidos posteriores não foram concedidos.

Uma igreja no sul do Cazaquistão que passou por essa experiência disse que seus membros foram pressionados pelas autoridades a retirar suas assinaturas dos documentos. Eles acreditam que a igreja teve o registro negado porque seus membros são predominantemente cazaques.

Além da exigência de recadastramento, a nova lei religiosa estabelece regras para a habilitação de literatura religiosa e diretrizes para a formação do clero.

O governo argumentou ainda que é necessário defender o estado do extremismo islâmico.



Fonte: Portas Abertas / Cpad News

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Ex-homssexual existe sim. veja mais um dos milhares que... - Testemunho do Pr. Joide Miranda ex-homossexual - ex-travesti. Confira e assista!

 Pr. Joide Miranda ex-homossexual

"Fui travesti e hoje sou um homem transformado pelo poder da Palavra de Deus. Não estou aqui para falar de preconceito, discriminação e muito menos de homofobia, mas para falar do que Deus fez em minha vida e pode fazer na vida do homem e da mulher que se rende aos seus pés."

Comecei a repugnar minha imagem de homem, tentando de todas as formas me transformar em "mulher", comecei então a fazer uso de anticoncepcional. Aos 14 anos fui para o Rio de Janeiro e São paulo, onde conheci o mundo da prostituição, das drogas, do roubo e da violência. O meu desejo era ganhar muito dinheiro e mostrar ao meu pai que eu iria ser alguém na vida sem ele. Coloquei silicone industrializado em meus quadris e fui para Paris, pois diziam que ali eu iria ser famoso e ganhar muito dinheiro. Fiquei em Pais um ano e meio, passei por Portugal, Espanha (em Barcelona fiz uso de silicone nos peitos), Londres, Roma, Grécia.... e Itália onde morei por muitos anos.



Bom gente, esse é só um pouquinho do que você vai ouvir no testemunho.




Com informações do:  video-tube-gospel

domingo, 23 de dezembro de 2012

Cemitério para quem deseja “ressuscitar primeiro” está ficando sem espaço

Mortos colocados no Monte das Oliveiras esperam ver o Messias antes


Cemitério para quem deseja “ressuscitar primeiro”
 está ficando sem espaço
Durante os últimos 3.000 anos as famílias judaicas que acreditam que a vinda do Messias será sobre o Monte das Oliveiras, em Jerusalém, enterraram ali os seus mortos.

As Escrituras trazem uma profecia no livro de Zacarias dando conta que uma fenda se abrirá no Vale de Cedron entre os Montes do Templo e das Oliveiras, local por onde o Messias deve entrar pela Porta Dourada do Templo em Jerusalém.
A tradição diz que o próprio Zacarias pediu pra ser enterrado ali na expectativa de ser ressuscitado primeiro para ver a chegada do reino do Messias judeu. Desde então este local passou a ser um dos mais sagrados para a fé judaica.
“Todo mundo neste cemitério é enterrado com os pés de frente para o Monte do Templo, para que, ao serem levantados da morte nem sequer precisem se virar. Ninguém quer errar o rumo”, explica Ira Rappaport, 67 anos, que se mudou de Nova York para Israel há 41 anos e cujos pais estão enterrados no Monte.
As autoridades identificaram mais de 150 mil túmulos no local, mas os administradores dizem que novos lotes são impossíveis de achar. A grande maioria já está vendida e dentro de 10 anos estima-se que não haverá espaço para novas sepulturas.
Além de outros profetas da antiguidade, estão enterrados rabinos famosos e personalidades como o ex-primeiro-ministro israelense Menachem Begin.
Chananya Shachor, gerente da Sociedade Funerária de Jerusalém, a maior das 13 empresas que organizam funerais na Cidade Santa, explica que ser enterrado no local custa cerca de 45 mil reais, incluindo a cerimônia fúnebre e uma mortalha especial.
Shachor acredita que em breve terão fim os enterros no Monte, por isso inaugurou recentemente uma instalação de cinco andares, em outra parte de Jerusalém, mas tem dificuldade de convencer as famílias mais tradicionais. Traduzido de The Star.

Fonte: Gospel Prime

Polícia indiana proíbe manifestações contra estupro de estudante

Jovens indianos seguram velas e cartazes em uma vigília após o estupro coletivo de …

A polícia indiana proibiu a manifestação neste domingo no centro de Nova Deli de milhares de pessoas que protestavam contra o estupro coletivo sofrido por uma jovem estudante, que finalmente prestou depoimento à polícia.
A vítima, uma estudante de fisioterapia de 23 anos, foi estuprada em um ônibus por seis homens no último domingo, antes de ser agredida com uma barra de ferro, o que causou ferimentos graves. Ela então foi jogada para fora do ônibus, junto com o jovem que a acompanhava.
Hospitalizada sob cuidados intensivos, a jovem exibiu melhora em seu estado de saúde neste fim de semana, de acordo com fontes do hospital. Ela prestou depoimento aos investigadores pela primeira vez no sábado.
"Os seis homens me estupraram, um de cada vez", relatou à polícia, segundo o jornal Hindustan Times deste domingo. "Eles nos jogaram (do ônibus) à beira da estrada, e eu desmaiei".
Suas declarações correspondem às informações dadas por seu companheiro.
Os seis supostos agressores foram presos.
De acordo com a polícia, os seis homens estavam bêbados no momento do crime. Eles entraram no ônibus e atacaram o casal, que voltava de uma noite no cinema.
Este caso provocou uma onda de indignação no país, onde os agressores muitas vezes permanecem impunes.
Milhares de pessoas, entre elas muitos estudantes, manifestaram nos últimos dias, exigindo maior segurança para as mulheres e maior punição pela justiça para aqueles que cometem estupro ou agressão sexual.
Neste domingo, a polícia proibiu as manifestações no centro de Nova Deli, em áreas próximas ao Parlamento, do palácio presidencial e dos grandes monumentos da capital, depois de confrontos entre manifestantes e a polícia no dia anterior.
Milhares de pessoas se reuniram perto da Porta da Índia, monumento emblemático de Nova Deli.
Um grupo chegou a acampar em frente à residência de Sonia Gandhi, líder do Partido do Congresso, no poder. "Eu estou com vocês (...) e justiça será feita", disse aos manifestantes em sua porta, logo depois da meia-noite, informou a Press Trust of India.
Na semana passada, o primeiro-ministro Manmohan Singh evocou "um crime hediondo, perturbador".
Neste domingo, em um caso distinto, um jornalista de 36 anos foi morto a tiros em Imphal (Nordeste), durante uma manifestação em apoio a uma atriz coadjuvante vítima de violência sexual, enquanto a polícia abriu fogo.
A atriz, Momoko, foi empurrada para fora do palco por um homem armado que, então, tentou estuprá-la, apesar da presença de pessoas responsáveis pela segurança. Ela lutou e conseguiu escapar.
Em Nova Deli, houve pedidos para pena de morte para estupradores.
O governo, diante da ira do povo, estuda a possibilidade de uma punição mais severa em casos excepcionais de estupro, declarou neste sábado o ministro do Interior, Sushil Kumar Shinde, referindo-se à pena de morte.
A prisão perpétua é atualmente a pena máxima para estupradores, mas a pena de morte "será discutida em detalhes", disse.
A pena de morte é rara na Índia e foi aplicada apenas duas vezes desde 2004: um homem que estuprou e matou uma menina e o único atirador sobrevivente dos ataques em Mumbai, em novembro de 2008.
Na Índia, sociedade dominada pelos homens onde as agressões são frequentes, cada vez mais vozes exigem que o poder público acabe com a ideia de que as mulheres violadas são responsáveis.
As associações de defesa dos direitos das mulheres acreditam que a misoginia continua a reinar e que o país demora para tomar medidas apropriadas para punir abusos e estupros, cujo número mais do que duplicou entre 1990 e 2008.

Com informações do: Yahoo

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

O Jardim do Éden ainda existe? Onde Fica? Pr. Lucinho responde. Confira!

O Jardim do Éden ainda existe? Onde Fica? – Loucos por Respostas



Assista ao vídeo do Pr. Lucinho no quadro ‘Loucos por Respostas’ do Programa De Tudo um Pouco com o tema “O Jardim do Éden ainda existe? Onde Fica?”

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Envelope é achado no Muro das Lamentações com US$ 500 milhões

A polícia de Jerusalém divulgou nesta quarta-feira (19) a investigação sobre o aparecimento de cheques assinados no valor de cerca de US$ 500 milhões, encontrados no Muro das Lamentações.

Os 507 cheques foram descobertos em um envelope no local sagrado da Cidade Antiga de Jerusalém e foram entregues à polícia por um “bom samaritano”, informou, em um comunicado a Fundação do Patrimônio do Muro das Lamentações.

“O descobridor honesto da fortuna a entregou ao departamento de propriedades perdidas da polícia. Por enquanto os cheques esperam ser recuperados por quem o perdeu”, destacou o comunicado.


‘As mensagens para Deus’ são retiradas de tempos em tempos e enterradas em um local sagrado, abrindo espaço para novos pedidos

O porta-voz da polícia, Micky Rosenfeld, confirmou a descoberta incomum no Muro, onde fiéis costumam depositar bilhetes com suas preces – ao invés de cheques com as economias de uma vida.

“Um envelope foi encontrado no Muro das Lamentações. Dentro do envelope havia centenas de cheques, cada um com uma quantia próxima a um milhão de dólares”, disse Rosenfeld à AFP.
O envelope “foi levado ao serviço de ‘achados e perdidos’ e no momento estamos averiguando a origem de cada cheque e se eles são reais ou não, mas por enquanto parecem genuínos”, acrescentou.

Rosenfeld afirmou que os cheques eram de países diferentes, embora a Fundação do Patrimônio do Muro das Lamentações os tenha descrito como “cheques nigerianos”.
“De tempos em tempos, o Muro recebe donativos de países africanos”, ressaltou a polícia no comunicado. “Mas a maioria deles é sem fundos”.

Com informações do: Folha / Verdade Gospel

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

"Não tenho mais medo de me olhar no espelho", diz afegã

 Mohammadzai foi mutilada pelo marido quatro anos atrás, após tentar fugir de casa, no Afeganistão




Aesha Mohammadzai, a afegã que ficou mundialmente conhecida em 2010 após ter seu rosto desfigurado estampado na revista americana Time, superou os traumas e não tem mais medo de se olhar no espelho. É o que ela declarou à rede norte-americana CNN.

"Eu não me importo. Todo mundo tem um problema. No começo, eu ficava assustada. Tinha medo de olhar no espelho", afirmou. "Mas agora eu não tenho mais medo. Agora eu entendo o sentido da minha vida", continuou.

Mohammadzai foi mutilada pelo marido quatro anos atrás, após tentar fugir de casa, no Afeganistão, para evitar um casamento forçado. Ela teve o nariz cortado durante a tortura, e seu rosto foi parar na capa da Time, provocando uma comoção mundial. A foto dela foi vencedora no concurso Word Press Photo, um dos mais cobiçados do fotojornalismo.

Sobre a sua experiência, ela parece encarar com tranquilidade. "O que aconteceu é parte de mim, parte da minha vida, e estará o tempo todo na minha mente. Mas eu preciso viver e preciso amar."

Hoje, ela, que acredita ter 21 ou 22 anos, mora nos Estados Unidos e conta com o apoio de uma equipe médica especializada para reconfigurar a sua face – as cirurgias são realizadas em um hospital de Bethesda, em Maryland.

No estágio atual do tratamento, a testa de Mohammadzai está inchada, devido ao implante de uma bolsa de silicone preenchida com líquidos, com a finalidade de expandir sua pele e fornecer tecido extra para o novo nariz. Além disso, foi transplantada pele de seu antebraço para a parte do nariz, com o objetivo de cobrir o buraco causado pelas mutilações.

Ainda falta percorrer metade do caminho para que seu rosto fique pronto. O próximo passo é pegar a cartilagem das costelas dela, que será usada para fazer o novo nariz.
Das montanhas para Maryland

Quando Mohammadzai tinha 12 anos, seu pai a prometeu para um militante do Taleban, a fim de pagar uma dívida. A afegã foi para a nova família, que abusava dela e até a forçava a dormir com animais em um estábulo.

Ao tentar escapar, foi pega e seu nariz e orelhas foram cortados pelo marido, como punição. Abandonada nas montanhas, ela correu para a casa do avô.

Após ter acesso a uma unidade médica norte-americana, onde recebeu tratamento por dez semanas, ela foi transferida para Cabul, capital do Afeganistão, e depois pegou um voo para os Estados Unidos, para morar com uma família.

Até hoje Mohammadzai prefere ver filmes de Bollywood (a indústria de cinema indiana) a assistir a televisão americana. Ela foi para Maryland 16 meses após chegar aos EUA.

Com informações do Mídia News

Ex de Daniella Perez toma satisfação na Record de entrevista de Guilherme de Pádua

A triz Daniella Perez, que morta por Guilherme de Pádua (Foto Reprodução)

O ator Raul Gazolla esteve no RecNov (complexo de estúdios da Record em Vargem Grande), na semana passada, para tirar satisfações com a direção da emissora a respeito da entrevista com Guilherme de Pádua, exibida no ‘Domingo Espetacular’.

O ator demonstrou revolta e insatisfação diante da direção do RecNov. Até houve um pedido informal de desculpas, mas os executivos da emissora que receberam Raul informaram, também, que não poderiam intervir na decisão editorial do jornalismo.


Guilherme de Pádua é assassino confesso da atriz Daniella Perez, filha da autora Glória Perez e mulher de Raul Gazolla. O crime ocorreu em 1992.

Para convencer Guilherme a dar a entrevista, a Record precisou desembolsar R$ 18 mil. A matéria provocou a revolta de Glória Perez e elevou a audiência da Record, deixando a atração empatada com o ‘Fantástico’.









O guarda de Israel, com informações do Meio Norte

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

O fim do mundo será em 21 de dezembro de 2012? Pastor Ciro Saches comenta


Faltando apenas três dias para o suposto fim do mundo, em 21 de dezembro, grupos que acreditam fielmente em uma possível catástrofe se preparam para o dia final do planeta terra.

Para o pastor e teólogo Ciro Sanches Zibordi, comentando sobre o tema ‘fim do mundo’ em seu blog, “à luz das Escrituras, não há motivo para nos preocuparmos com o fim do mundo”.

O pastor explica que chegará “sem dúvida” o período de Grande Tribulação, mas que mesmo neste tempo, o fim do mundo ainda não acontecerá.

No entanto, é possível observar que em vários países, assim como no Brasil, comunidades se preparando para o apocalipse.

Em Porto Velho (RO), um grupo de vinte pessoas, liderados por uma suposta vidente, Eunice Coelho, armazena livros, água, alimentos, remédios e roupas de frio.

Apesar de Eunice dizer que não se pode prever ao certo o dia final, os produtos que compõem uma extensa lista de itens de sobrevivência, já estão estocados em um abrigo secreto, localizado na área rural da cidade numa preparação para o dia "D".

Segundo o pastor Ciro, após o período de tribulação “será estabelecido o Milênio (Ap 20.1-10)”. O pastor ainda afirma que somente depois do período de mil anos de paz, em que a Igreja reinará com Cristo, o mundo chegará ao fim.

“Segundo a Palavra profética, ‘os céus passarão com grande estrondo, e os elementos, ardendo, se desfarão, e a terra, e as obras que nelas há, se queimarão (2 Pe 3.10)’, dando lugar a um novo céu e uma nova terra (Ap 21.1)”.

Ciro comenta que os servos do Senhor não precisam se preocupar com o fim. “Afinal, se Jesus viesse buscar a sua Igreja hoje, o mundo só acabaria daqui a 1.007 anos!”

Ele explica que o fim do mundo, propriamente dito, ocorrerá somente depois de vários eventos escatológicos previstos nas Escrituras: "o Arrebatamento da Igreja, o Tribunal de Cristo, as Bodas do Cordeiro, a Grande Tribulação, a batalha do Armagedom, o Milênio, a última revolta de Satanás e o Juízo Final".

No entanto, ao citar uma passagem bíblica em Mateus 24 ('Acautelai-vos, que ninguém vos engane, porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos'), o pastor alerta que, nos dias que antecedem o Arrebatamento da Igreja, aumentará o número de enganadores e de seguidores do erro, inclusive entre os cristãos.

Ciro exorta que os cristãos estejam atentos aos acontecimentos mencionados mencionados na Bíblia, aguardando o retorno de Jesus.

"Mas a Noiva já está pronta! Os salvos, preparados, estão fazendo a última oração da Bíblia: 'Ora, vem, Senhor Jesus' (Ap 22.20)".

Com informações do The Christian Post

Bezerra de duas cabeças vira atração na zona rural de União, Piauí


Animal nasceu com duas cabeças no interior do Piauí

Bezerra de duas cabeças vira atração na zona rural de União. O animal nasceu no ultimo dia 16 de dezembro em uma fazenda na localidade Pedra de Fogo, próximo ao Povoado Baixa Grande. Durante toda esta segunda-feira(17), muitos curiosos têm-se deslocado até a localidade Pedra de Fogo. Entre os curiosos, vez por outra, se houve a relação do fato com um provável fim do mundo.

O vaqueiro da fazenda, senhor Luciano, diz ter ficado assustado, mas ainda assim tem procurado alimentar o pequeno animal, "fiz uma mistura de ovo de galinha com o leite da vaca e dei para ela, hoje de manhã, e agora a tarde ela já conseguiu se alimentar diretamente no peito da vaca", diz o vaqueiro.

A vaca que pariu a bezerra é um animal de pequeno porte e bastante magra em função do longo período de estiagem que também castigou aquela localidade. A incidência de nascimentos de animais siameses não é um fato raro, assim como acontece com os humanos, nos animais isso também ocorre. Trata-se de um processo de má formação embrionária durante a gestação.



Com informações do MN

Por amor: A cada culto que frequentava, a garotinha levava uma surra dos pais. Veja esta emocionante história de amor a cristo

Uma pequena menina, foi levada pela tia pra igreja e aceitou a Jesus. Chegando em casa ela falou com os pais assim: “Pai deixa eu ser crente?” O Pai e a mãe disseram: “De jeito nenhum, nós somos seguidores de Maomé.” Ela insistiu tanto que os pais falaram: “Com uma condição, todo o culto que você for, quando você chegar em casa você vai tomar uma surra!” Ela falou “Tudo bem!”.

chegava em casa uma surra, ia pro culto chegava em casa outra surra. Um dia a tia deu pra ela um vestido branco e ela cantou na frente da igreja sozinha o primeiro solo dela aos 12 anos, ela tinha 1 aninho de convertida. Quando acabou o culto ela ficou com as coleguinhas, todo mundo feliz. O pai dela veio bêbado, pegou a menina e a espancou, diante da igreja, bateu a cabeça dela no meio fio e a machucou muito. Prenderam o pai. Então, a tia e o pastor pegaram a menina e a colocaram em um banco, tiraram o vestido branco dela enquanto ela ficava perdendo a consciência, perdia a consciência e voltava, então, naquele instante quando voltava a consciência ela falava ”Pastor cadê meu vestidinho?” O Pastor falou “esquece o vestido minha filha, ele tá todo sujo de sangue, fica firme, aguenta que o médico tá chegando” Aí ela apagava, aí ela acordava de novo e falava “Tia.. Pastor, me dá o meu vestido, eu quero o meu vestidinho branco” e eles falavam “esquece o vestido, ele tá todo sujo” Isso aconteceu cinco vezes; na quinta vez que aconteceu isso a menina falou : “Pastor eu estou vendo Jesus ali em pé, e Ele está me dizendo que vai me levar agora, por favor, pelo amor de Deus, por tudo o que é mais sagrado, me dá o meu vestidinho branco?” O pastor disse “Por que?” Ele foi lá, pegou o vestido e deu pra ela, ela abraçou o vestidinho só de calcinha e foi fechando os olhinhos pela última vez nessa terra, e o pastor perguntou “Mas por que você quer tanto esse vestido?” E as últimas palavras dela foram: “Eu quero entrar com esse vestidinho sujo de sangue no céu, pra mostrar pra Jesus, que assim como um dia ele sangrou por mim, eu também sangrei por Ele.

Esta belíssima ilustração foi extraída da fonte: Amigos da Universal

Testemunho de adolescente cristã toca o coração dos muçulmanos

O testemunho de sobrevivência de uma jovem que foi vítima de um ataque no Quênia tem motivado muçulmanos a procurarem missionários cristãos, pois reconhecem o poder de Deus.


Em agosto a aldeia Orma onde Malaika e sua família viviam foi atacada por homens da tribo Pokomo que deixaram centenas de pessoas feridas e muitos mortos.

Malaika, que é cristã, foi baleada no pescoço e na cabeça e também recebeu facadas na mão e na coxa, precisando então de um tratamento médico. Depois de muitos dias internada a jovem recebeu alta e passou a morar na casa da missionária Lea que hospeda mais de 48 cristãos.

A missionária é parceira do Portas Abertas do Quênia e começou a ficar preocupada com as constantes queixas de Malaika que reclamava de dores fortes na cabeça. Ao levá-la para o hospital os médicos disseram que ela precisaria passar por mais uma cirurgia, mas que poderia demorar umas duas semanas por falta de agenda do neurocirurgião local.

Os cristãos oraram em favor de Malaika e na mesma noite um enfermeiro iniciou o procedimento para que a garota fosse internada e encaminhada para a cirurgia que teve sucesso total.

O cirurgião relatou depois da operação que precisou retirar um cisto do cérebro da jovem ocasionado pela bala que atravessou a cabeça. Apesar de altamente perigosa, a cirurgia correu bem e Malaika já está em casa.

Com informações do Gospel Jovens

FIM DOS TEMPOS: Adolescente deixa igreja evangélica e põe virgindade à venda para ajudar no tratamento de saúde da mãe

A condição de saúde da mãe levou uma adolescente evangélica a oferecer a virgindade em leilão na internet. Rebeca Bernardo Ribeiro, 18 anos, teve a ideia após ver a iniciativa da jovem catarinense Ingrid Migliorini, que através de um reality show internacional, conseguiu R$ 1,5 milhão por sua virgindade.

Segundo Rebeca, sua mãe é aposentada por invalidez devido a um AVC (acidente vascular cerebral) sofrido há quatro anos, o que resultou em graves sequelas, como por exemplo, a dificuldade de se alimentar e falar, além da incapacidade de tomar banho sozinha.

-Eu vi o vídeo da Catarina (Ingrid), vi a coragem dela de não ter medo de ser julgada, não nego que vi o quanto ela conseguiu adquirir e pensei em quanto posso adquirir e mudar minha vida. Eu estava passando muita dificuldade, até para conseguir ajuda para comprar remédios, marcar exames. A gente vive com um salário mínimo. Até já tentei trabalhar, mas aqui na cidade paga pouco. Só consegui ganhar R$ 40, R$ 100 por trabalho um mês inteiro. Não faz diferença esse dinheiro porque teria que pagar uma pessoa para cuidar da minha mãe – relatou ao G1.

Segundo a jovem, a repercussão de sua iniciativa foi vista com maus olhos pelos vizinhos, e ela desistiu do leilão por medo de represálias: “Tirei do ar logo porque eu não estava podendo frequentar a rua, tinha medo do que as pessoas poderiam fazer”, conta ela, que ainda estuda e atualmente cursa o 2º ano do Ensino Médio.

A jovem conta que deixou de frequentar a igreja desde que a condição de saúde de sua mãe foi prejudicada, mas que não tem sido criticada pelos amigos por isso: “Eles não concordam, mas também não me deixam de lado. Acham que eu não preciso ser julgada e sim aconselhada e apoiada”.

Segundo Rebeca, ao publicar o vídeo, recebeu uma proposta de R$ 70 mil de um empresário baiano, e uma oferta de um estrangeiro, que chegou a oferecer R$ 6 milhões. Entretanto, perante a repercussão, ela resolveu mudar de ideia e desistir do leilão.

O Guarda de Israel, com informações do G1 / Verdade Gospel

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Gloria Perez ataca bispo Macedo e fala mal da Record

Autora cria blog para reunir as provas contra o assassino de sua filha


Depois da polêmica entrevista de Guilherme de Pádua ao programa Domingo Espetacular, da Rede Record, Gloria Perez ofendeu o ator nas redes sociais. Na madrugada desta sexta-feira (14), ela voltou a criticar a entrevista, “A Record está mesmo desesperada com Salve Jorge! Calhordas!”, escreveu a autora global.

Gloria afirmou ter ficado com “nojo” ao saber que Guilherme teria recebido dinheiro da emissora para falar sobre o caso. “NOJO! RT @VicaCanella: ‘O Assassino recebe 18 mil reais… recebeu pelo testemunho, corja do Edir Macedo! #Nojo’”, postou ela no Twitter.

A autora afirmou que Guilherme á um ladrão, pois nunca devolveu o que tirou de Daniella quando tentou simular um assalto. “Além de tudo ladrão: diz que levou as bolsas da minha filha pra simular assalto e nunca devolveu nem a bolsa nem os dólares que ela tinha lá”.

Gloria anunciou que às vésperas do vigésimo aniversário do assassinato, ela decidiu criar um blog para não deixar as pessoas esqueceram do ocorrido. “Estou organizando as provas do processo num blog ainda em construção: vídeos, documentos, áudios”, postou ela.

Com o nome de “Daniella Perez – Arquivos de um Processo”, a página oferece várias informações sobre o júri e várias notícias que mencionam como Guilherme de Pádua e sua ex-mulher, Paula Thomaz, cometeram o crime em 1992. O ator diz ter se arrependido, hoje é evangélico e trabalha na Igreja Batista da Lagoinha, em Belo Horizonte.

A missa para marcar os 20 anos da morte de Daniella Perez será em 28 de dezembro, na Igreja do Outeiro da Glória, no Rio de Janeiro.

Com informações do Gospel Prime

Noite de Louvor e adoração na Assembléia de Deus - Pr. José Filho - Dirceu II

O blog o guarda de israel se empenhará de mostrar o trabalho dos que estão fazendo missões e obedecendo o IDE de Jesus



Neste Domingo, dia 16 à noite estive presente na primeira congregação do Bairro Dirceu Arcoverde II em Teresina - Piauí, no pastoril do Pastor José Filho.

Quando Deus está no controle, almas são salvas e a obra cresce. É o que podemos perceber com várias igrejas sendo inauguradas com esse abençoado ministério.




EM BREVE, UMA PANORAMA DESTE CRESCENTE MINISTÉRIO, COM O PASTOR JOSÉ FILHO.

O guarda de israel

domingo, 16 de dezembro de 2012

Veja fotos e o perfil de algumas das crianças e adultos mortos nos EUA.
Atirador invadiu escola e matou 26 pessoas - incluindo 20 crianças.






O massacre na escola Sandy Hook, em Newtown, Connecticut, matou 26 pessoas – 20 crianças com idades entre 6 e 7 anos e seis adultos – na sexta-feira (14). Um atirador, identificado pela imprensa dosEstados Unidos como Adam Lanza, entrou armado na escola e disparou contra os alunos, professores e funcionários. O suspeito foi encontrado morto dentro do prédio.

Desde sexta, familiares, amigos e boa parte da população de Newtown permanece em vigília pelas vítimas, enquanto o mundo tenta entender os motivos para o ataque. A polícia ainda não confirmou a identidade do atirador, mas informou que a mãe dele foi encontrada morta em sua casa, e seria sua 27ª vítima.

As 26 vítimas do massacre foram todas atingidas mais de uma vez, informou neste sábado (15) o chefe do departamento de medicina legal, o médico Wayne Carve.
Abaixo, saiba quem são as vítimas da tragédia e conheça um pouco mais sobre elas.

Olivia Engel (Foto: Arquivo Pessoal/AP)Olivia Engel (Foto: Arquivo Pessoal/AP)
Olivia Engel, 6 anos
Olivia era uma criança alegre e sorridente. “Ela adorava atenção. Tinha maneiras perfeitas, era muito educada, se portava muito bem à mesa. Ela era obediente, sempre a líder”, disse Dan Merton, amigo de longa data da família. Ele contou que na sexta a menina estava empolgada para voltar para casa depois da escola e fazer uma casa de doces para o natal. “Seu único crime foi ser uma sorridente criança de 6 anos”, disse o amigo.

Emilie Parker (Foto: Arquivo Pessoal/AP)Emilie Parker (Foto: Arquivo Pessoal/AP)
Emilie Parker, 6 anos
Segundo seu pai, o americano Robbie Parker, Emilie era o tipo de criança que iluminava tudo por onde passava. Ela era a filha mais velha de Robbie, e foi descrita como uma menina “inteligente, criativa e muito amorosa". Segundo a BBC, a última conversa entre pai e filha foi em português. Emilie tinha duas irmãs mais novas, de 3 e 4 anos. A família é natural do estado americano de Utah.

Grace McDonnell (Foto: Arquivo Pessoal/AP)Grace McDonnell (Foto: Arquivo Pessoal/AP)
Grace McDonnell, 7 anos 
Grace foi descrita por vizinhos e amigos da família como “altamente adorável” e “cheia de vida”, segundo o jornal “Daily Mail”. Por seus olhos azuis e cabelos loiros, era frequentemente descrita como uma boneca. Grace vivia com seus pais em uma casa que ficava a apenas uma rua de distância de onde vivia o suposto atirador, Adam Lanza. Ela tinha um irmão de 11 anos, que está bem.

Noah Pozner (Foto: Arquivo Pessoal/AP)Noah Pozner (Foto: Arquivo Pessoal/AP)
Noah Pozner, 6 anos 
Noah é a vítima mais nova do massacre – ele havia completado 6 anos em novembro. Ele tinha uma irmã gêmea, que sobreviveu, além de outra irmã de 8 anos que também estudava na escola e passa bem, segundo o jornal Newsday. Arthur Pozner, tio do menino, disse que ele era bastante maduro para a idade. “Era uma criança muito bem criada, extremamente inteligente”, afirmou.

Dawn Hochsprung, diretora da escola Sandy Hook, em foto de 2010 (Foto: AP)Dawn Hochsprung (Foto: AP)
Dawn Hocksprung, 47 anos
Diretora da escola Sandy Hook, Dawn foi descrita por amigos como uma apaixonada por seu trabalho e pelas crianças. Ela estava no cargo desde 2010, e havia implementado medidas de segurança recentemente, como a instalação de câmeras. “Ela era muito legal e divertida, mas também uma mulher muito rígida com as coisas sérias”, disse o amigo Tom Prunty à CNN. Dawn vivia em Woodbury, Connecticut, com seu marido, duas filhas e três enteados. Acredita-se que a diretora tenha sido a responsável por acionar o sistema de auto-falantes, alertando os alunos sobre o perigo dentro da escola.

Lauren Rousseau (Foto: Arquivo Pessoal/AP)Lauren Rousseau (Foto: Arquivo Pessoal/AP)
Lauren Rousseau, 30 anos
Lauren era professora substituta permanente na escola. Segundo um comunicado divulgado por sua mãe, ela “queria ser professora desde antes de ir para o jardim de infância. Vamos sentir terrivelmente sua falta, e tentar nos confortar com o fato de que ela conseguiu alcançar seu sonho”, disse Teresa Rousseau. Lauren se formou na Universidade de Connecticut e fez pós-graduação em Bridgeport.

Mary Sherlach (Foto: Arquivo Pessoal/AP)Mary Sherlach ao lado do marido, Mark (Foto:
Arquivo Pessoal/AP)
Mary Sherlach, 56 anos
Mary era a psicóloga da escola, e estava com a diretora Dawn Hocksprung quando o atirador invadiu Sandy Hook. Ela foi baleada após ir até o corredor para ver o que acontecia. Ela havia trabalhado em outras três escolas de Connecticut antes de ir para Sandy Hook em 1994, segundo a CNN. Ela era casada e vivia em Trumbull, Connecticut, com o marido. O casal tinha duas filhas já adultas.


Victoria Soto (Foto: Reuters)Victoria Soto (Foto: Reuters)
Victoria Soto, 27 anos
Victoria era professora da primeira série na escola, e tentou proteger seus alunos quando ouviu os disparos, segundo o pai de um dos alunos. Os estudantes ficaram escondidos atrás dela em um dos cantos da sala de aula. Quando o atirador invadiu a sala, ela se pôs na frente das crianças, segundo informações de um primo de Victoria, Jim Wiltsie, feitas ao site ABC News. Ela não tinha filhos e vivia com seu cão, Roxie.

Ana M. Marquez-Greene, 6 anos
Ana era filha do saxofonista Jimmy Greene, que escreveu em sua página do Facebook que estava tentando “superar este pesadelo”, segundo a agência AP. “Por mais que ela seja necessária e eu, sua mãe e seu irmão sentirmos muito sua falta, Ana nos deixou para ir para o paraíso. Te amo, doce menina”, escreveu. A família se mudou para Newtown ano passado – antes, eles viviam no Canadá. A mudança para a pequena cidade ocorreu, em parte, devido à boa reputação da escola Sandy Hook. Segundo a família, o irmão de 9 anos de Ana também estava na escola, mas escapou do massacre. No Natal do ano passado, a família havia viajado para Porto Rico, onde possuem parentes - o irmão de uma avó de Ana é prefeito de uma cidade do país.

Catherine V. Hubbard, 6 anos
Os pais de Catherine não falaram sobre a filha, mas em um comunicado, agradeceram o trabalho da polícia e o suporte da comunidade. “Estamos profundamente tristes pela morte de nossa linda filha, Catherine Violet, e nossos pensamentos e rezas estão com as outras famílias que também foram afetadas por essa tragédia. Pedimos que a comunidade continue a rezar por nós e pelas famílias que tiveram perdas nessa tragédia”, disseram Jennifer e Matthew Hubbard.

Chase Kowalski, 7 anos
Chase era um garoto que sempre estava brincando do lado de fora de sua casa, no jardim, e adorava andar de bicicleta. Vizinho da família Kevin Grimes disse à AP que o menino havia ganhado há uma semana seu primeiro mini-triatlo. “Não consigo pensar em uma criança melhor”, afirmou. Outro vizinho, Keeley Baumann, disse ao jornal Newstimes que o menino havia pedido dois dentes da frente como presente de Natal.

Jesse Lewis, 6 anos
Segundo Barbara McSperrin, amiga da família de Jesse, ele era “o típico menino de 6 anos, cheio de vida”. A família de Jesse possuía alguns animais, e ele estava aprendendo a andar a cavalo. Na manhã do massacre, Jesse foi até a lanchonete favorita da família e tomou chocolate quente com seu sanduíche favorito – com salsicha, ovos e queijo – segundo o dono do local, Angel Salazar, disse o “Wall Street Journal”. “Ele era sempre simpático, sempre gostava de conversar.” Seu pai, Neil Heslin, disse ao jornal “The New York Post” que o filho era aluno da professora Victoria Soto, que também morreu no massacre. “Ele era um garoto alegre, era ótimo com animais, ia bem na escola.”

Anne Marie Murphy, 52 anos
Anne era professor especializada em educação para crianças especiais. Ela foi criada em Katonah, e tinha seis irmãos. Seus pais a descreveram como uma mulher artística, uma pintora apaixonada e uma pessoa esforçada. Anne era casada e tinha quatro filhos. Autoridades disseram aos pais de Anne que a professora foi uma heroína, ajudando algumas das crianças a escaparem das balas. Segundo seu pai, Hugh McGowan, a polícia informou que o corpo de Anne foi encontrado em uma das salas de aula, protegendo um grupo de crianças que também morreu na tragédia.

Charlotte Bacon, 6 anos
Charlotte era uma menina de cabelos cacheados e ruivos, e segundo seu tio, John Hagen, iluminava qualquer lugar por onde passasse, segundo o jornal Newsday. A mãe dela havia comprado roupas novas para o fim do ano, mas a menina, ansiosa, pediu para usá-las antes. A mãe deixou, e a menina foi para a escola na sexta usando um vestido rosa e botas novas, além de um penteado especial no cabelo. “Foi bom ela ter usado as roupas novas”, disse o tio. O irmão mais velho de Charlotte também estava na escola, mas sobreviveu.

Dylan Hockley, 6 anos
Dylan nasceu no Reino Unido e se mudou recentemente com a família para os Estados Unidos. A mãe dele, Nicole Hockley, disse em um blog que escrevia quando morava no Reino Unido que a decisão de mudar foi feita de forma muito feliz, e descreveu seu filho, então com 2 anos, como “meu querido amor” – segundo informações do jornal “Daily Mail”. Dylan tinha um irmão, de 7 anos, que morava na mesma escola, mas sobreviveu.

Benjamin Wheeler, 6 anos
Benjamin era um menino muito espirituoso, segundo o rabino Shaul Praver. O menino e seus pais, David e Francine, não eram membros da sinagoga, mas costumavam participar da celebração do Hanukkah, segundo o jornal “Washington Post”. “Eram pessoas muito agradáveis”, afirmou o rabino.

Caroline Previdi, 6 anos
Segundo amigos da família, que não foram identificados pelo jornal “Washington Post”, a menina tinha o apelido de “Boo”, por ser parecida com a personagem de mesmo nome do filme “Monstros S.A.”. “Era uma gracinha, adorável”, afirmou a mulher. Outra amiga da família disse que a menina adorava ginástica, e era muito ativa.

Daniel Barden, 7 anos
Daniel estava na primeira série e era o mais novo e três irmãos. Segundo amigos e vizinhos da família, os pais incentivavam as crianças a serem muito ativas – Daniel fazia natação e outras atividades. “Era uma família amorosa. As crianças eram do tipo que pais querem ter por perto: amorosas e doces”, disse um colega de trabalho de Jackie Barden, mãe de Daniel.

As outras vítimas da tragédia são:
Rachel Davino, 29 anos
Josephine Gay, 7 anos
Madeleine F. Hsu, 6 anos
James Mattioli, 6 anos
Grace McDonnell, 7 anos
Jack Pinto, 6 anos
Jessica Rekos, 6 anos
Avielle Richman, 6 anos
Allison N. Wyatt, 6 anos

G1 com informações das agências internacionais, via: O guarda de israel

Lista das 10 postagens mais populares desde à criação do Blog

Pegue uma Bíblia e descubra Como ir para o Céu

O plano de Deus para a sua salvação

Primeiro você precisa saber:

1) Boas obras não salvam (Efésios 2:8,9 / João 14:6 / Tito 3:4-7)

2) Todos pecaram inclusive você (Rom 3:23)

3) E por isso todos estão indo para a morte eterna (o Inferno) (Rom 6:23)

4) Mas Deus nos amou tanto que enviou Jesus Cristo para nos salvar (João 3:16 / João 14:6 / Romanos 5:8 / Lucas 5:32)

E assim se você...

1) ... se arrepender e confessar que é pecador, (2 Cor 7:10 / 1 Jo 1:9)

2) ... crer que Jesus é o Filho de Deus (Rom 10:9)

3) ... e pedir a Ele: “Jesus me perdoa, me salva! (Rom 10:13 / Lucas 23:33-43)

Então você será salvo!

1) Todos os seus pecados serão perdoados e lavados pelo sangue de Jesus (I João 1:7 / Marcos 1:40-42)

2) Você terá vida eterna no céu com Deus (João 3:16 / João 14:2-6)

3) A salvação não se perde jamais (João 10:27-30)

“Eis aqui agora o dia da salvação” (2 Cor 6:2)

Ninguém sabe quanto tempo vai viver, não adie a maior decisão que você tem a tomar na vida. Converse com Deus em uma oração simples, se arrependa, confesse, creia e clame “Jesus me perdoa, me salva, me lava, me transforma!” E assim você poderá ter absoluta certeza da salvação.

Fonte: Editora Elim – www.editoraelim.com.br – (21) 2415-7923

FOLHETO: ESTA FOI A SUA VIDA!

VOCÊ TEM UM TEMPINHO PARA VER?

PAÍSES QUE PASSARAM POR AQUI: QUASE 160

free counters